Salário para o cargo de Ajudante de confeiteiro
CBO 5135-05 > Trabalhadores auxiliares nos serviços de alimentação

Ajudante de confeiteiro - Descrição, atividades, funções e salário do cargo

Os trabalhadores auxiliares nos serviços de alimentação auxiliam outros profissionais da área no pré-preparo, preparo e processamento de alimentos, na montagem de pratos. Verificam a qualidade dos gêneros alimentícios, minimizando riscos de contaminação. Trabalham em conformidade a normas e procedimentos técnicos e de qualidade, segurança, higiene e saúde.

Quanto ganha um Ajudante de confeiteiro

Um Ajudante de confeiteiro trabalhando no Brasil, ganha entre R$ 1.083,37 e R$ 2.169,94, com a média salarial de R$ 1.312,15 e o salário mediana em R$ 1.258,29 de acordo com pesquisa salarial junto ao Novo CAGED, Empregador Web e eSocial.


Faixas salariais do cargo de Ajudante de confeiteiro

Salário Mensal Salário Anual Salário Por Semana Salário Por Hora
Média Salarial 1.312,15 15.745,76 328,04 6,07
1º Quartil 1.083,37 13.000,45 270,84 5,01
Salário Mediana 1.258,29 15.099,48 314,57 5,82
3º Quartil 1.654,89 19.858,63 413,72 7,65
Teto Salarial 2.169,94 26.039,24 542,48 10,04


Categorias profissionais do cargo

  • Trabalhadores dos serviços, vendedores do comércio em lojas e mercados
    • Trabalhadores dos serviços
      • Trabalhadores dos serviços de hotelaria e alimentação
        • Trabalhadores auxiliares nos serviços de alimentação

Cargos relacionados:



Salários nas cidades que mais contratam

Cidade Faixa Salarial Média Salarial 1º Quartil Salário Mediana 3º Quartil Maior Salário
São Paulo - SP 1.166 - 1.960 1.364,34 1.165,73 1.317,73 1.618,10 1.959,89
Rio de Janeiro - RJ 1.128 - 1.749 1.271,66 1.127,69 1.260,41 1.443,58 1.748,51
Curitiba - PR 1.171 - 1.975 1.354,68 1.171,04 1.293,99 1.630,28 1.974,64
Belo Horizonte - MG 1.067 - 1.548 1.142,64 1.067,05 1.100,00 1.278,21 1.548,21
Porto Alegre - RS 1.129 - 5.391 2.009,52 1.128,80 1.239,46 4.450,47 5.390,55
Brasília - DF 1.061 - 1.624 1.165,37 1.060,84 1.128,60 1.341,09 1.624,37
Fortaleza - CE 1.061 - 2.091 1.239,37 1.061,25 1.081,58 1.726,50 2.091,19
Campinas - SP 1.205 - 1.939 1.374,66 1.204,52 1.342,89 1.600,65 1.938,75
Goiânia - GO 1.085 - 1.869 1.253,59 1.084,56 1.200,00 1.542,84 1.868,74
Florianópolis - SC 1.250 - 1.955 1.409,46 1.249,86 1.391,00 1.613,65 1.954,50
Manaus - AM 1.049 - 1.543 1.152,79 1.048,67 1.150,53 1.273,71 1.542,76
Joinville - SC 1.166 - 1.830 1.324,11 1.166,49 1.313,98 1.511,08 1.830,26
Salvador - BA 1.044 - 1.507 1.114,64 1.044,36 1.089,45 1.244,02 1.506,80
Recife - PE 1.050 - 1.550 1.130,51 1.049,60 1.095,77 1.280,08 1.550,47
Guarulhos - SP 1.223 - 2.011 1.426,96 1.223,09 1.409,62 1.660,36 2.011,08
Sorocaba - SP 1.150 - 2.395 1.455,00 1.150,20 1.357,00 1.976,96 2.394,56
Campo Grande - MS 1.103 - 1.647 1.203,86 1.103,04 1.171,00 1.360,04 1.647,32
Santo André - SP 1.262 - 1.939 1.417,85 1.262,48 1.417,50 1.600,84 1.938,98
Ribeirão Preto - SP 1.255 - 1.909 1.389,69 1.254,71 1.361,00 1.575,70 1.908,53
Londrina - PR 1.162 - 1.802 1.322,48 1.162,09 1.320,00 1.487,86 1.802,14


Remuneração nos estados

Estado Faixa Salarial Média Salarial 1º Quartil Salário Mediana 3º Quartil Maior Salário
São Paulo 1.191 - 2.048 1.396,79 1.191,34 1.342,00 1.690,74 2.047,87
Minas Gerais 1.064 - 1.585 1.158,34 1.064,22 1.129,00 1.308,79 1.585,25
Paraná 1.157 - 1.861 1.331,94 1.157,11 1.315,00 1.536,13 1.860,60
Santa Catarina 1.199 - 1.912 1.380,01 1.199,38 1.390,00 1.578,18 1.911,54
Rio Grande do Sul 1.135 - 3.022 1.539,42 1.134,54 1.265,63 2.494,94 3.021,94
Rio de Janeiro 1.118 - 1.729 1.263,47 1.117,98 1.252,00 1.427,81 1.729,40
Goiás 1.059 - 1.687 1.186,50 1.058,76 1.149,50 1.392,73 1.686,92
Espírito Santo 1.080 - 1.786 1.204,94 1.080,28 1.127,57 1.474,69 1.786,18
Bahia 1.045 - 1.520 1.125,10 1.044,63 1.100,00 1.255,19 1.520,32
Mato Grosso 1.045 - 1.629 1.152,84 1.044,67 1.100,00 1.344,59 1.628,61
Distrito Federal 1.061 - 1.624 1.165,37 1.060,84 1.128,60 1.341,09 1.624,37
Ceará 1.056 - 1.882 1.195,49 1.056,25 1.081,58 1.553,55 1.881,71
Pernambuco 1.048 - 2.493 1.325,26 1.048,04 1.097,00 2.058,20 2.492,96
Mato Grosso do Sul 1.079 - 1.623 1.186,63 1.079,17 1.171,00 1.340,26 1.623,36
Pará 1.050 - 1.582 1.156,46 1.049,54 1.132,39 1.305,84 1.581,67
Amazonas 1.048 - 1.545 1.152,00 1.047,57 1.150,53 1.275,22 1.544,59
Rio Grande do Norte 1.044 - 1.502 1.100,15 1.043,59 1.055,00 1.239,72 1.501,58
Paraíba 1.043 - 1.479 1.104,76 1.042,85 1.073,00 1.220,69 1.478,53
Rondônia 1.095 - 1.531 1.165,71 1.095,02 1.136,00 1.264,24 1.531,28
Maranhão 1.048 - 1.521 1.129,79 1.047,79 1.100,00 1.255,52 1.520,72
Alagoas 1.053 - 1.508 1.113,82 1.053,01 1.070,00 1.245,20 1.508,22
Sergipe 1.042 - 1.444 1.094,13 1.041,86 1.065,69 1.192,41 1.444,29
Piauí 1.036 - 1.816 1.172,79 1.036,28 1.085,00 1.499,70 1.816,48
Tocantins 1.043 - 1.494 1.108,98 1.042,86 1.087,68 1.233,76 1.494,36
Roraima 1.045 - 1.581 1.119,63 1.045,00 1.059,00 1.304,95 1.580,59
Acre 1.046 - 1.561 1.141,13 1.045,93 1.128,60 1.288,92 1.561,17
Amapá 1.045 - 1.440 1.095,15 1.045,00 1.060,68 1.188,80 1.439,91


Principais locais de trabalho

Trabalhadores auxiliares nos serviços de alimentação trabalham predominantemente em restaurantes e empresas de alimentação. Trabalham individualmente ou em equipe, sob supervisão, em ambiente fechado , em horários diurno e noturno. Podem permanecer em posições desconfortáveis por longos períodos. Há situações em que trabalham sob pressão, o que pode ocasionar estresse.


O que é preciso para trabalhar na área dos Trabalhadores auxiliares nos serviços de alimentação

O exercício desse cargo requer em geral ensino fundamental seguido de cursos básicos de profissionalização que variam de duzentas a quatrocentas horas, ou experiência equivalente. Os cargos listados nesta família ocupacional, demandam formação profissional para efeitos do cálculo do número de aprendizes a serem contratados pelos estabelecimentos.


Funções e atividades do Ajudante de confeiteiro

Trabalhadores auxiliares nos serviços de alimentação devem:

  • verificar qualidade dos gêneros alimentícios;
  • "montar praça (""mise-en-place"")";
  • demonstrar competências pessoais;
  • minimizar riscos de contaminação;
  • preparar local de trabalho;
  • processar alimentos;
  • pré-preparar alimentos;
  • auxiliar na montagem de pratos;
  • organizar trabalho;

  • Atividades

    • verificar disponibilidade de gêneros alimentícios e/ou ingredientes;
    • preparar molhos, fundos e caldos;
    • triturar alimentos;
    • afiar instrumentos de corte (facas, maq. de frios, processador, etc..);
    • etiquetar gêneros alimentícios e/ou ingredientes;
    • picar alimentos;
    • branquear hortifrutigranjeiros;
    • marinar peixes, aves, carnes e hortifrutigranjeiros;
    • notificar quebra ou dano de equipamentos/utensílios;
    • preparar local de trabalho;
    • descartar amostras;
    • cozinhar alimentos;
    • porcionar gêneros alimentícios e/ou ingredientes;
    • demonstrar organização;
    • demonstrar atenção;
    • selecionar gêneros alimentícios e/ou ingredientes;
    • auxiliar na adaptação de pedidos, cardápios ou comandas;
    • repor bebidas no buffet;
    • controlar temperatura dos equipamentos;
    • esterilizar mãos e antebraços;
    • demonstrar boa apresentação;
    • verificar prazo de validade;
    • pré-cozinhar alimentos;
    • higienizar local de trabalho;
    • lavar mãos e antebraços;
    • demonstrar proatividade;
    • raspar barba;
    • auxiliar no controle de estoque de uso diário;
    • limpar alimentos;
    • verificar funcionamento de equipamentos;
    • solicitar gêneros alimentícios e/ou ingredientes;
    • higienizar utensílios e equipamentos;
    • demonstrar paladar apurado;
    • resfriar alimentos;
    • guardar materiais e utensílios;
    • montar vitrine;
    • resfriar amostras para análise;
    • repor alimentos preparados no buffet (quentes/frios/sobremesas);
    • desossar carnes e aves;
    • pesar sobras (resto-ingesta ou limpo);
    • moer ingredientes;
    • demonstrar senso estético;
    • demonstrar criatividade;
    • escovar unhas;
    • verificar aspectos organolépticos (cheiro, aspecto, cor, textura e sabor);
    • descascar alimentos;
    • controlar temperatura do ambiente;
    • congelar alimentos;
    • trabalhar em equipe;
    • demonstrar destreza manual;
    • trabalhar com segurança;
    • controlar desperdícios;
    • rechear alimentos;
    • fatiar alimentos;
    • demonstrar acuidade visual;
    • modelar massas;
    • pré-assar alimentos;
    • conferir requisição de gêneros alimentícios e/ou ingredientes recebidos;
    • elaborar relatórios;
    • auxiliar no cálculo de quantidades;
    • registrar produção;
    • aparar unhas;
    • operar equipamentos;
    • escolher grãos e cereais;
    • congelar amostras para análise;
    • dispor gêneros alimentícios e/ou ingredientes;
    • pegar alimentos no estoque ou câmara;
    • notificar ocorrências (incidentes, acidentes, etc..);
    • consultar ficha técnica;
    • propor elaboração de novas receitas;
    • controlar temperatura dos alimentos (termômetro);
    • descongelar alimentos;
    • prender cabelos;
    • colocar alimentos no espeto;
    • discriminar odores;
    • dispor guarnição nos pratos;
    • conferir materiais e utensílios;
    • aquecer alimentos pré-preparados;
    • verificar estado de conservação de utensílios;
    • avaliar qualidade e rendimento do alimento;
    • vestir uniforme (avental, touca, luvas, etc);
    • retirar adornos (anéis, brincos, etc);
    • solicitar reposição de utensílios;
    • repor utensílios no buffet;
    • degustar alimentos;
    • lavar utensílios e equipamentos;
    • demonstrar capacidade de observação;
    • embalar gêneros alimentícios e/ou ingredientes;
    • decorar pratos;
    • verificar pedidos, comandas ou cardápio;
    • acondicionar amostras para análise;
    • lavar local de trabalho;
    • preparar caldas, recheios e coberturas;
    • seguir normas técnicas de higiene;
    • transportar alimentos, utensílios e materiais;
    • repor temperos e molhos no buffet;
    • verificar estado de conservação do local de trabalho;
    • cortar alimentos;
    • selecionar equipamentos e utensílios;
    • dispor molhos/caldos nos pratos;
    • serrar alimentos;
    • temperar alimentos;
    • coletar amostras para análise;


    Setores que mais contratam Ajudante de confeiteiro no mercado de trabalho

    • Restaurantes e similares
    • Fornecimento de alimentos preparados preponderantemente para empresas
    • Lanchonetes, casas de chá, de sucos e similares
    • Comércio varejista de mercadorias em geral, com predominância de produtos alimentícios - supermercados
    • Padaria e confeitaria com predominância de revenda
    • Hotéis
    • Fornecimento de alimentos preparados preponderantemente para consumo domiciliar
    • Cantinas - serviços de alimentação privativos
    • Locação de mão-de-obra temporária
    • Fabricação de produtos de padaria e confeitaria com predominância de produção própria




    Fonte: Pesquisa Portal Salario.com.br

    Profissões em Destaque:

    Salário para o cargo de Orientador sócio educativo
    Trabalhadores de atenção, defesa e proteção a pessoas em situação de risco e adolescentes em conflito com a lei

    Orientador sócio educativo