Salário para o cargo de Preparador de pastas (na fabricação de tintas)
CBO 3117-15 > Coloristas

Preparador de pastas (na fabricação de tintas) - Descrição, atividades, funções e salário do cargo

Desenvolvem cartela e implementam receitas de cores para produção de artigos têxteis, do vestuário, couros e papéis, desenvolvem coloração e controlam a qualidade dos processos de estamparia, impressão e tingimento, bem como de artigos e produtos, quanto à conformidade da cor. Desenvolvem cores em laboratório.

Quanto ganha um Preparador de pastas (na fabricação de tintas)

Um Preparador de pastas (na fabricação de tintas) trabalhando no Brasil, ganha entre R$ 1.231,88 e R$ 7.178,14, com a média salarial de R$ 2.522,75 e o salário mediana em R$ 1.665,42 de acordo com pesquisa salarial junto ao Novo CAGED, Empregador Web e eSocial.


Faixas salariais do cargo de Preparador de pastas (na fabricação de tintas)

Salário Mensal Salário Anual Salário Por Semana Salário Por Hora
Média Salarial 2.522,75 30.273,00 630,69 11,56
1º Quartil 1.231,88 14.782,59 307,97 5,65
Salário Mediana 1.665,42 19.985,04 416,36 7,63
3º Quartil 5.474,36 65.692,32 1.368,59 25,09
Teto Salarial 7.178,14 86.137,74 1.794,54 32,90


Categorias profissionais do cargo

  • Técnicos de nível médio
    • Técnicos de nível médio das ciências físicas, químicas, engenharia
      • Técnico em ciências físicas e químicas
        • Coloristas

Cargos relacionados:



Salários nas cidades que mais contratam

Cidade Faixa Salarial Média Salarial 1º Quartil Salário Mediana 3º Quartil Maior Salário
São Paulo - SP 1.476 - 4.243 2.352,47 1.475,86 2.200,00 3.503,35 4.243,36
Guarulhos - SP 1.687 - 4.817 2.616,19 1.686,53 2.300,00 3.976,99 4.817,05
Curitiba - PR 1.246 - 3.354 1.817,47 1.246,19 1.512,10 2.768,87 3.353,74
São Bernardo do Campo - SP 1.694 - 4.527 2.358,64 1.694,43 1.817,61 3.737,59 4.527,08
Belo Horizonte - MG 1.160 - 2.285 1.467,21 1.159,88 1.452,00 1.886,38 2.284,84
Blumenau - SC 1.510 - 3.060 2.033,46 1.510,41 2.028,00 2.526,57 3.060,26
Cascavel - PR 1.314 - 2.972 1.735,14 1.313,75 1.600,00 2.453,61 2.971,89
Criciúma - SC 1.369 - 2.707 1.697,07 1.368,89 1.614,98 2.234,53 2.706,54
Apiuna - SC 1.319 - 1.784 1.378,60 1.318,65 1.361,80 1.472,65 1.783,71
Joinville - SC 1.360 - 2.849 1.770,32 1.360,42 1.600,00 2.352,37 2.849,26
Goiânia - GO 1.157 - 2.740 1.645,91 1.157,49 1.595,50 2.261,90 2.739,68
Sorocaba - SP 1.500 - 3.296 1.957,57 1.499,92 1.743,35 2.721,46 3.296,31
Cotia - SP 1.609 - 4.319 2.390,54 1.609,26 2.300,00 3.565,69 4.318,87
Caxias do Sul - RS 1.338 - 3.428 2.001,31 1.338,12 2.000,00 2.829,82 3.427,56
Pato Branco - PR 1.297 - 2.478 1.504,77 1.297,32 1.344,72 2.045,82 2.477,96
Diadema - SP 1.631 - 3.852 2.165,24 1.631,27 1.923,24 3.179,87 3.851,56
Brasília - DF 1.137 - 2.409 1.355,75 1.136,58 1.155,00 1.989,27 2.409,47
Novo Hamburgo - RS 1.286 - 3.427 1.917,64 1.286,49 1.690,16 2.829,36 3.427,01
Gaspar - SC 1.491 - 4.034 2.321,81 1.491,27 2.300,00 3.330,71 4.034,26
Limeira - SP 1.596 - 2.566 1.768,94 1.596,32 1.715,20 2.118,47 2.565,96


Remuneração nos estados

Estado Faixa Salarial Média Salarial 1º Quartil Salário Mediana 3º Quartil Maior Salário
São Paulo 1.479 - 4.067 2.216,47 1.478,75 1.975,71 3.357,63 4.066,86
Santa Catarina 1.342 - 3.218 1.845,89 1.341,54 1.642,42 2.656,50 3.217,63
Paraná 1.293 - 3.162 1.756,84 1.292,93 1.500,00 2.610,76 3.162,22
Rio Grande do Sul 1.296 - 3.144 1.762,85 1.296,10 1.539,00 2.595,75 3.144,05
Minas Gerais 1.126 - 2.831 1.595,38 1.125,51 1.482,00 2.337,18 2.830,87
Goiás 1.163 - 2.734 1.674,63 1.162,73 1.685,00 2.257,57 2.734,44
Rio de Janeiro 1.206 - 109.395 23.196,50 1.205,88 1.500,00 90.317,13 109.394,82
Bahia 1.074 - 2.409 1.370,57 1.074,14 1.196,00 1.989,14 2.409,31
Pernambuco 1.134 - 2.467 1.517,75 1.134,48 1.442,84 2.037,02 2.467,29
Distrito Federal 1.137 - 2.409 1.355,75 1.136,58 1.155,00 1.989,27 2.409,47
Ceará 1.096 - 2.410 1.457,25 1.095,52 1.400,00 1.989,85 2.410,16
Mato Grosso do Sul 1.112 - 3.063 1.546,16 1.111,64 1.230,00 2.529,20 3.063,45
Paraíba 1.055 - 2.889 1.444,65 1.055,06 1.200,00 2.384,83 2.888,58
Espírito Santo 1.143 - 2.752 1.584,60 1.143,28 1.465,94 2.271,91 2.751,81
Mato Grosso 1.097 - 2.655 1.520,77 1.096,86 1.329,57 2.192,32 2.655,41
Alagoas 1.045 - 2.079 1.254,17 1.045,00 1.087,29 1.716,67 2.079,28
Rondônia 1.166 - 2.612 1.500,63 1.165,63 1.456,99 2.156,88 2.612,47
Pará 1.150 - 2.063 1.338,36 1.149,59 1.221,61 1.703,37 2.063,17
Amazonas 1.185 - 2.079 1.469,11 1.184,67 1.532,27 1.716,19 2.078,70
Rio Grande do Norte 1.045 - 1.748 1.174,54 1.045,00 1.082,50 1.442,98 1.747,78
Piauí 1.056 - 2.049 1.218,64 1.056,00 1.117,84 1.692,00 2.049,40
Maranhão 1.050 - 2.161 1.261,76 1.050,13 1.100,00 1.784,54 2.161,48
Sergipe 1.065 - 2.028 1.274,92 1.064,50 1.157,43 1.674,74 2.028,50
Tocantins 1.061 - 2.123 1.269,83 1.060,74 1.109,00 1.752,58 2.122,78


Principais locais de trabalho

Coloristas esses profissionais estão presentes em empresas de fabricação de produtos têxteis, de confecção de artigos de vestuário e acessórios, de preparação de couros e fabricação de artefatos de couro, de fabricação de celulose, papel e produtos de papel e gráficas (impressão e reprodução de gravações). Mantêm vínculo formal como empregados registrados nas empresas e trabalham com supervisão permanente, em ambientes fechados, organizando-se em equipes. O horário de trabalho para o colorista de papel e colorista têxtil é diurno e com rodízio de turnos para os demais. Eventualmente, em algumas atividades, esses trabalhadores podem estar expostos a materiais tóxicos e ruído intenso.


O que é preciso para trabalhar na área dos Coloristas

Trata-se de profissão cujo exercício requer capacidade de discriminar um amplo espectro de cores. Portanto, o nível de escolaridade passa a ser fator secundário. O acesso ao emprego ocorre por meio de testes, seguidos de cursos profissionalizantes básicos de até duzentas horas- aula. Para o exercício pleno das atividades, requer-se dos coloristas de papel e têxtil experiência de um a dois anos e escolaridade mínima do ensino médio. Para as outras ocupações é exigido menos de um ano de experiência e, no mínimo, ensino fundamental concluído. Há tendência de aumento de requisito de escolaridade, embora o conhecimento tácito, adquirido no trabalho, seja uma das características dessas ocupações. Os cargos listados nesta família ocupacional, demandam formação profissional para efeitos do cálculo do número de aprendizes a serem contratados pelos estabelecimentos.


Funções e atividades do Preparador de pastas (na fabricação de tintas)

Coloristas devem:

  • desenvolver coloração para tinturaria, estamparia e impressão;
  • desenvolver cores em laboratórios;
  • desenvolver cartela de cores de produtos têxteis, de vestuários, de couros, de papéis;
  • controlar a qualidade de processo de tingimento, estamparia e impressão;
  • implementar receitas de cores para produção de artigos têxteis, couros e papéis;
  • demonstrar competências pessoais;
  • controlar a qualidade de artigos e produtos para tingimento, estamparia e impressão;
  • trabalhar com segurança;

  • Atividades

    • selecionar cores para artigos têxteis, papéis, couros e peles;
    • demonstrar flexibilidade;
    • controlar ph de banhos;
    • eliminar condições inseguras;
    • demonstrar responsabilidade;
    • controlar densidade e espessura de camada de tinta nas impressões;
    • utilizar corantes, pigmentos, produtos auxiliares conforme recomendações do fabricante.;
    • codificar receitas de cores para estamparia, tinturaria e impressão;
    • definir cores para artigos tintos, estampados e impressos;
    • demonstrar iniciativa;
    • verificar validade de pigmentos, corantes, produtos auxiliares para tingimentos, estamparias e impressão;
    • evidenciar criatividade;
    • colorir estampas conforme tendências da moda;
    • harmonizar cores em cartelas;
    • padronizar receitas de cores;
    • identificar produtos de riscos ambientais;
    • ajustar receitas de cores à produção;
    • testar receitas em materiais têxteis, papéis, couros e peles;
    • controlar ph de pastas;
    • conferir concentração de corantes no tingimento ou impressão;
    • manter atenção concentrada;
    • analisar resultados da impressão de estampas;
    • avaliar resultados das amostragens;
    • pesquisar tendências de cores;
    • identificar cores com códigos em conformidade com padrões internacionais;
    • trabalhar em equipe;
    • controlar hidrofilidade de tecidos;
    • montar catálogos para representantes;
    • especificar cores de acordo com os segmentos de mercado (masculino, feminino, infantil e decoração);
    • controlar viscosidade de tintas, pastas, vernizes;
    • manter-se atualizado tecnologicamente;
    • medir cores com calorímetro ou espectrofotômetro;
    • utilizar equipamentos de proteção individual e coletiva;
    • selecionar corantes, pigmentos e produtos auxiliares;
    • selecionar cores para cartelas;
    • testar cores na produção;
    • ajustar equipamentos para impressão de estampas;
    • controlar temperatura de banhos;
    • selecionar ferramentas para tingimento, estamparia, impressão;
    • inspecionar percentual de sólidos dos produtos auxiliares para tingimento, estamparia ou impressão;
    • distinguir cores.;
    • comparar visualmente cores elaboradas com cores requisitadas;
    • conferir concentração de pigmentos na estamparia ou impressão;
    • realizar amostragens na produção;
    • distinguir imagens;
    • demonstrar acuidade visual;
    • preparar receitas de cores;
    • consultar catálogos de tendências de cores;
    • medir concentração de produtos auxiliares para tingimento, estamparia ou impressão;
    • inspecionar, visualmente, as cores de materiais para tingimento, estamparia ou impressão;


    Setores que mais contratam Preparador de pastas (na fabricação de tintas) no mercado de trabalho

    • Comércio varejista de tintas e materiais para pintura
    • Fabricação de embalagens de material plástico
    • Fabricação de tintas, vernizes, esmaltes e lacas
    • Serviços de lanternagem ou funilaria e pintura de veículos automotores
    • Serviços de manutenção e reparação mecânica de veículos automotores
    • Comércio a varejo de peças e acessórios novos para veículos automotores
    • Fabricação de tintas de impressão
    • Estamparia e texturização em fios, tecidos, artefatos têxteis e peças do vestuário
    • Comércio atacadista de tintas, vernizes e similares
    • Locação de mão-de-obra temporária




    Fonte: Pesquisa Portal Salario.com.br

    Profissões em Destaque:

    Salário para o cargo de Estalageiro
    Gerentes de operações de serviços em empresa de turismo, de alojamento e alimentação

    Estalageiro