Salário para o cargo de Monitorador de sistemas e suporte ao usuário
CBO 3172-10 > Técnicos em operação e monitoração de computadores

Monitorador de sistemas e suporte ao usuário - Descrição, atividades, funções e salário do cargo

Operam sistemas de computadores e microcomputadores, monitorando o desempenho dos aplicativos, recursos de entrada e saída de dados, recursos de armazenamento de dados, registros de erros, consumo da unidade central de processamento (cpu), recursos de rede e disponibilidade dos aplicativos. Asseguram o funcionamento do hardware e do software, garantem a segurança das informações, por meio de cópias de segurança e armazenando-as em local prescrito, verificando acesso lógico de usuário e destruindo informações sigilosas descartadas. Atendem clientes e usuários, orientando-os na utilização de hardware e software, inspecionam o ambiente físico para segurança no trabalho.

Quanto ganha um Monitorador de sistemas e suporte ao usuário

Um Monitorador de sistemas e suporte ao usuário trabalhando no Brasil, ganha entre R$ 1.181,92 e R$ 3.956,94, com a média salarial de R$ 1.837,96 e o salário mediana em R$ 1.550,92 de acordo com pesquisa salarial junto ao Novo CAGED, Empregador Web e eSocial.


Faixas salariais do cargo de Monitorador de sistemas e suporte ao usuário

Salário Mensal Salário Anual Salário Por Semana Salário Por Hora
Média Salarial 1.837,96 22.055,50 459,49 8,83
1º Quartil 1.181,92 14.183,02 295,48 5,68
Salário Mediana 1.550,92 18.611,04 387,73 7,45
3º Quartil 3.017,73 36.212,80 754,43 14,49
Teto Salarial 3.956,94 47.483,32 989,24 19,01


Categorias profissionais do cargo

  • Técnicos de nível médio
    • Técnicos de nível médio das ciências físicas, químicas, engenharia
      • Técnicos em informática
        • Técnicos em operação e monitoração de computadores

Cargos relacionados:



Salários nas cidades que mais contratam

Cidade Faixa Salarial Média Salarial 1º Quartil Salário Mediana 3º Quartil Maior Salário
São Paulo - SP 1.326 - 4.388 2.109,78 1.326,28 1.676,00 3.622,91 4.388,18
Rio de Janeiro - RJ 1.281 - 4.158 2.008,00 1.280,72 1.623,76 3.432,50 4.157,54
Brasília - DF 1.169 - 2.973 1.582,65 1.169,36 1.269,52 2.454,23 2.972,64
Porto Alegre - RS 1.179 - 3.376 1.802,11 1.179,41 1.634,65 2.787,13 3.375,86
Jaguariúna - SP 1.364 - 2.716 1.724,02 1.363,67 1.628,82 2.241,95 2.715,52
Belo Horizonte - MG 1.337 - 3.633 1.922,51 1.336,92 1.600,00 2.999,54 3.633,13
Fortaleza - CE 1.152 - 2.926 1.661,54 1.151,62 1.500,00 2.415,91 2.926,22
Curitiba - PR 1.321 - 3.837 1.988,26 1.320,61 1.707,49 3.168,16 3.837,37
Salvador - BA 1.082 - 2.849 1.533,59 1.082,05 1.300,00 2.352,19 2.849,04
Recife - PE 1.242 - 3.617 1.881,37 1.242,16 1.652,57 2.986,28 3.617,07
Blumenau - SC 1.511 - 3.593 2.137,34 1.511,27 2.030,89 2.966,28 3.592,85
Barueri - SP 1.469 - 5.835 2.441,61 1.468,90 1.675,56 4.817,35 5.834,92
Teresópolis - RJ 1.350 - 1.989 1.438,93 1.350,07 1.382,00 1.642,16 1.989,03
Florianópolis - SC 1.413 - 4.135 2.251,69 1.412,89 2.061,00 3.414,00 4.135,14
São Jose - SC 1.322 - 3.241 1.887,14 1.321,61 1.750,00 2.675,43 3.240,57
Goiânia - GO 1.188 - 3.789 1.941,14 1.187,90 1.629,93 3.128,42 3.789,23
Vitoria - ES 1.303 - 3.074 1.753,53 1.303,45 1.575,71 2.538,27 3.074,43
Campinas - SP 1.414 - 3.282 1.866,57 1.413,76 1.678,00 2.709,29 3.281,57
Americana - SP 1.140 - 2.666 1.495,74 1.139,58 1.220,00 2.200,95 2.665,85
Cuiabá - MT 1.300 - 3.497 1.882,33 1.299,55 1.540,00 2.886,97 3.496,79


Remuneração nos estados

Estado Faixa Salarial Média Salarial 1º Quartil Salário Mediana 3º Quartil Maior Salário
São Paulo 1.283 - 3.855 1.953,26 1.282,97 1.675,56 3.183,10 3.855,47
Santa Catarina 1.305 - 3.421 1.886,96 1.305,17 1.694,96 2.824,15 3.420,69
Rio Grande do Sul 1.209 - 3.340 1.789,13 1.208,99 1.600,00 2.757,22 3.339,63
Rio de Janeiro 1.286 - 3.660 1.843,49 1.286,27 1.500,00 3.021,41 3.659,63
Minas Gerais 1.126 - 4.138 1.890,84 1.126,30 1.512,00 3.416,26 4.137,87
Paraná 1.258 - 3.359 1.800,51 1.258,09 1.551,00 2.772,84 3.358,54
Distrito Federal 1.169 - 2.973 1.582,65 1.169,36 1.269,52 2.454,23 2.972,64
Ceará 1.117 - 3.030 1.655,24 1.116,53 1.450,36 2.501,93 3.030,42
Bahia 1.066 - 5.594 2.076,32 1.066,29 1.300,00 4.618,41 5.593,96
Espírito Santo 1.169 - 2.840 1.596,98 1.168,71 1.375,68 2.344,77 2.840,05
Goiás 1.068 - 3.381 1.667,34 1.068,24 1.400,00 2.791,52 3.381,17
Pernambuco 1.135 - 3.338 1.753,90 1.134,93 1.521,00 2.756,17 3.338,36
Mato Grosso 1.081 - 3.132 1.635,06 1.080,93 1.458,08 2.586,04 3.132,29
Pará 1.058 - 3.075 1.565,19 1.058,46 1.280,71 2.538,37 3.074,55
Mato Grosso do Sul 1.163 - 3.690 1.827,36 1.163,50 1.500,00 3.046,79 3.690,36
Rio Grande do Norte 1.073 - 6.849 2.346,91 1.072,84 1.358,50 5.654,79 6.849,25
Amazonas 1.096 - 2.792 1.542,65 1.095,60 1.402,07 2.305,01 2.791,90
Paraíba 1.104 - 2.939 1.540,50 1.103,62 1.238,00 2.426,59 2.939,16
Maranhão 1.110 - 3.251 1.599,94 1.110,13 1.256,52 2.683,78 3.250,67
Piauí 1.078 - 3.748 1.719,34 1.078,19 1.328,50 3.094,19 3.747,77
Alagoas 1.055 - 2.774 1.443,49 1.054,62 1.100,00 2.290,55 2.774,39
Sergipe 1.101 - 3.362 1.751,95 1.100,71 1.515,79 2.775,65 3.361,95
Rondônia 1.123 - 2.415 1.395,91 1.123,15 1.178,53 1.994,01 2.415,20
Amapá 1.045 - 1.816 1.164,63 1.045,00 1.045,00 1.499,52 1.816,26
Tocantins 1.061 - 2.349 1.396,89 1.060,61 1.250,00 1.939,41 2.349,07
Acre 1.071 - 2.368 1.474,38 1.071,16 1.400,00 1.955,37 2.368,40
Roraima 1.068 - 2.304 1.420,33 1.068,00 1.350,00 1.902,17 2.303,96


Principais locais de trabalho

Técnicos em operação e monitoração de computadores trabalham em vários ramos de atividade econômica e concentram-se em empresas de informática e conexas, públicas e privadas, de intermediação financeira (bancos), correio e telecomunicações e de ensino. Os operadores de computador trabalham em empresas de grande porte que processam grande quantidade de dados. Os que atuam em ambiente de rede podem ser encontrados em instituições públicas e privadas, de médio e grande porte. São assalariados, com carteira assinada. Trabalham individualmente ou em equipe, com supervisão permanente, em ambientes fechados, em horários irregulares e em rodízio de turnos. Podem também trabalhar a distância (técnico de apoio ao usuário de informática). Eventualmente, trabalham sob pressão e expostos a ruído intenso.


O que é preciso para trabalhar na área dos Técnicos em operação e monitoração de computadores

Para operar plataformas de grande porte (mainframe), e para o técnico de apoio ao usuário de informática (exclusive provedores de internet), o requisito mínimo é o segundo grau completo. Em ambientes de rede e supercomputadores há superqualificação, com requerimentos que variam de nível superior a pós-graduação em informática. O pleno exercício das atividades requer entre três e quatro anos, acompanhados de formação contínua.


Funções e atividades do Monitorador de sistemas e suporte ao usuário

Técnicos em operação e monitoração de computadores devem:

  • atender cliente e usuário;
  • garantir segurança das informações;
  • monitorar sistemas;
  • assegurar funcionamento do hardware e software;
  • comunicar-se;
  • administrar processamento de dados;
  • demonstrar competências pessoais;
  • inspecionar ambiente físico de trabalho;

  • Atividades

    • demonstrar fluência verbal;
    • verificar equipamentos de energia;
    • agir com objetividade;
    • monitorar consumo de cpu;
    • disponibilizar recursos operacionais;
    • sanar pequenas falhas de hardware;
    • controlar acesso de pessoas não autorizadas;
    • ouvir atentamente;
    • realizar limpezas periódicas em equipamentos;
    • destruir informações sigilosas descartadas;
    • demonstrar atenção difusa;
    • fazer cópias de segurança (backup);
    • guardar cópia de segurança em local prescrito;
    • monitorar recursos de entrada e saída de dados;
    • monitorar recursos de rede;
    • orientar cliente e usuário na utilização de hardware e software;
    • sugerir mudanças na disposição de equipamentos;
    • verificar temperatura e umidade local;
    • verificar acesso lógico do usuário;
    • assegurar funcionamento de equipamento reserva (standby);
    • administrar o tempo;
    • administrar cronograma de atividades planejadas;
    • checar sistema de detecção de incêndio;
    • reparar arquivos;
    • conduzir solicitação de suporte;
    • demonstrar auto- controle;
    • executar checagem inicial de solicitação;
    • redigir;
    • demonstrar disponibilidade;
    • checar iluminação de emergência;
    • inicializar e desativar sistemas e aplicativos;
    • administrar schedule (agenda de tarefas);
    • monitorar registros de erros;
    • administrar tarefas;
    • monitorar desempenho de aplicativos;
    • reprocessar tarefas de acordo com solicitação;
    • recuperar arquivos, programas e relatórios;
    • monitorar recursos de armazenamento de dados;
    • monitorar disponibilidade de aplicativos;
    • alimentar equipamentos com suprimentos;
    • providenciar correção de erros de tarefas;
    • organizar cabeamento;
    • fazer rodízio de mídias;
    • requisitar manutenção preventiva e corretiva de hardware e software;
    • demonstrar iniciativa;
    • adaptar linguagem para e do usuário;
    • transferir arquivos, programas e relatórios;
    • identificar falhas em hardware e software;
    • planejar atendimento a cliente e usuário;
    • configurar e reconfigurar hardware;
    • acionar equipamentos reserva;
    • interpretar leitura técnica;
    • demonstrar organização;
    • trabalhar em equipe;
    • efetuar controle de peças e suprimentos;
    • supervisionar linha de transmissão;
    • otimizar recursos disponíveis;


    Setores que mais contratam Monitorador de sistemas e suporte ao usuário no mercado de trabalho

    • Suporte técnico, manutenção e outros serviços em tecnologia da informação
    • Desenvolvimento e licenciamento de programas de computador não-customizáveis
    • Desenvolvimento de programas de computador e software em geral
    • Desenvolvimento e licenciamento de programas de computador customizáveis
    • Consultoria em tecnologia da informação
    • Serviços de comunicação multimídia - scm
    • Tratamento de dados, provedores de serviços de aplicação e serviços de hospedagem na internet
    • Provedores de acesso às redes de comunicações
    • Reparação e manutenção de computadores e de equipamentos periféricos
    • Comércio varejista especializado de equipamentos e suprimentos de informática




    Fonte: Pesquisa Portal Salario.com.br

    Profissões em Destaque: