Salário para o cargo de Filósofo
CBO 2514-05 > Filósofos

Filósofo - Descrição, atividades, funções e salário do cargo

Refletem crítica e sistematicamente sobre o ser e o destino do homem e do mundo, por meio da assimilação dos clássicos do pensamento e da realização de pesquisas sobre temas filosóficos, tais como ética, epistemologia, estética, ontologia, metafísica, política, lógica, cultura etc, com a finalidade de formar e orientar pessoas e assessorar organizações.

Quanto ganha um Filósofo

Um Filósofo trabalhando no Brasil, ganha entre R$ 1.557,90 e R$ 8.071,92, com a média salarial de R$ 2.883,58 e o salário mediana em R$ 2.109,80 de acordo com pesquisa salarial junto ao Novo CAGED, Empregador Web e eSocial.


Faixas salariais do cargo de Filósofo

Salário Mensal Salário Anual Salário Por Semana Salário Por Hora
Média Salarial 2.883,58 34.602,96 720,90 18,72
1º Quartil 1.557,90 18.694,80 389,48 10,12
Salário Mediana 2.109,80 25.317,60 527,45 13,70
3º Quartil 6.155,99 73.871,88 1.539,00 39,97
Teto Salarial 8.071,92 96.863,03 2.017,98 52,42


Categorias profissionais do cargo

  • Profissionais das ciências e das artes
    • Profissionais das ciências sociais e humanas
      • Cientistas sociais, psicólogos
        • Filósofos


Salários nas cidades que mais contratam

Cidade Faixa Salarial Média Salarial 1º Quartil Salário Mediana 3º Quartil Maior Salário


Remuneração nos estados

Estado Faixa Salarial Média Salarial 1º Quartil Salário Mediana 3º Quartil Maior Salário


Principais locais de trabalho

Filósofos atuam, principalmente, em atividades culturais, editoriais, educacionais, de pesquisa, de recursos humanos e em organismos afins, podendo exercer mais de uma ocupação. É comum, como professor e pesquisador. Nesses casos, são classificados pela atividade predominante. Trabalham em ambientes fechados, de forma individual, podendo, ocasionalmente, formar equipes. É comum, terem seus trabalhos divulgados através de livros, revistas, jornais e outros meios.


O que é preciso para trabalhar na área dos Filósofos

Geralmente, a formação ocorre em universidade, com curso superior e de pós-graduação, em filosofia ou qualquer outro ramo das ciências. O acesso à produção filosófica de outros países demanda a proficiência em idiomas estrangeiros. Há filosofos que se consagram pelo notório saber.


Funções e atividades do Filósofo

Filósofos devem:

  • realizar pesquisa acadêmica;
  • divulgar conhecimentos e resultados;
  • demonstrar competências pessoais;
  • coordenar atividades;
  • pesquisar a história da filosofia e temas filosóficos;
  • assessorar pessoas e organizações;
  • refletir sobre o ser e o destino do homem e do mundo;

  • Atividades

    • emitir pareceres;
    • coordenar publicações;
    • consultar arquivos;
    • refletir sobre o processo de criação e validação do conhecimento lógico e científico;
    • organizar colóquios;
    • demonstrar aptidão para leitura;
    • demonstrar capacidade didática;
    • assessorar a mídia;
    • definir metodologia de pesquisa;
    • coordenar equipes de pesquisa teórica;
    • ler textos;
    • ministrar cursos;
    • assessorar organizações governamentais e não governamentais;
    • demonstrar capacidade de reflexão e especulação;
    • assessorar editoras;
    • assessorar agências financiadoras de pesquisa;
    • viabilizar projetos de pesquisa;
    • levantar bibliografia;
    • proferir palestras;
    • participar de seminários, congressos e afins;
    • analisar o processo simbólico e suas manifestações;
    • refletir sobre a política e relações de poder;
    • assessorar entidades culturais e de ensino;
    • demonstrar capacidade de expressão escrita;
    • refletir sobre as questões centrais do homem contemporâneo;
    • coordenar cursos;
    • interpretar a relação entre as ideias e seu contexto;
    • participar de debates na mídia;
    • analisar textos;
    • expressar-se oralmente com fluência;
    • elaborar textos filosóficos;
    • elaborar relatórios;
    • analisar crítica e comparativamente as tradições filosóficas;
    • refletir sobre a história e as transformações histórico-sociais;
    • participar de eventos culturais;
    • elaborar artigos de divulgação;
    • participar de comissões de ética e bioética;
    • traduzir textos;
    • elaborar projeto de pesquisa;
    • debater com seus pares e especialistas de outras áreas;
    • cultivar rigor metodológico;
    • analisar a arte, a obra de arte e a experiência estética;
    • coordenar grupos de estudo;
    • analisar as descobertas científicas e seu impacto social, teórico e tecnológico;
    • analisar a religião e suas diversas manifestações;
    • refletir sobre a história da filosofia;
    • demonstrar conhecimento de línguas;
    • promover debates;
    • organizar congressos;
    • participar de bancas de concurso;
    • organizar seminários;
    • orientar pessoas e instituições;
    • interpretar textos;
    • demonstrar capacidade de argumentação;
    • cultivar atitude crítica;
    • refletir sobre os valores éticos e morais;

    Setores que mais contratam Filósofo no mercado de trabalho

    • Comércio varejista de materiais de construção em geral
    • Serviços combinados de escritório e apoio administrativo
    • Ensino médio
    • Educação profissional de nível técnico
    • Ensino fundamental




    Fonte: Pesquisa Portal Salario.com.br

    Profissões em Destaque: