Salário para o cargo de Supervisor de laboratório fotográfico
CBO 7664-05 > Trabalhadores de laboratório fotográfico e radiológico

Supervisor de laboratório fotográfico - Descrição, atividades, funções e salário do cargo

Ampliam fotografias coloridas e preto em branco. Revelam filmes coloridos, preto em branco, dispositivos e negativos. Conferem fotos ampliadas e reproduzem fotografias. Preparam equipamentos e soluções químicas de reforço. Manipulam filmes radiológicos e revelam filmes radiográficos. Trabalham seguindo normas de qualidade, segurança, higiene, saúde e proteção ao meio ambiente.

Quanto ganha um Supervisor de laboratório fotográfico

Um Supervisor de laboratório fotográfico trabalhando no Brasil, ganha entre R$ 1.168,66 e R$ 2.691,87, com a média salarial de R$ 1.496,99 e o salário mediana em R$ 1.300,00 de acordo com pesquisa salarial junto ao Novo CAGED, Empregador Web e eSocial.


Faixas salariais do cargo de Supervisor de laboratório fotográfico

Salário Mensal Salário Anual Salário Por Semana Salário Por Hora
Média Salarial 1.496,99 17.963,93 374,25 6,91
1º Quartil 1.168,66 14.023,89 292,16 5,40
Salário Mediana 1.300,00 15.600,00 325,00 6,00
3º Quartil 2.052,93 24.635,18 513,23 9,48
Teto Salarial 2.691,87 32.302,39 672,97 12,43


Categorias profissionais do cargo

  • Trabalhadores da produção de bens e serviços industriais
    • Trabalhadores nas indústrias têxtil, do curtimento, do vestúario e das artes gráficas
      • Trabalhadores da produção gráfica
        • Trabalhadores de laboratório fotográfico e radiológico

Cargos relacionados:



Salários nas cidades que mais contratam

Cidade Faixa Salarial Média Salarial 1º Quartil Salário Mediana 3º Quartil Maior Salário
Batatais - SP 1.141 - 1.707 1.257,93 1.141,15 1.239,27 1.409,17 1.706,83
São Paulo - SP 1.233 - 2.902 1.670,15 1.233,34 1.484,00 2.395,74 2.901,79
Americana - SP 1.109 - 1.722 1.191,73 1.108,75 1.108,75 1.421,99 1.722,35
Ribeirão Preto - SP 1.050 - 1.640 1.184,48 1.049,70 1.166,33 1.353,73 1.639,68
Brasília - DF 1.162 - 3.634 2.302,53 1.162,00 2.443,20 3.000,00 3.633,69
Mirassol - SP 1.383 - 1.967 1.447,67 1.383,00 1.401,00 1.624,12 1.967,18
Fortaleza - CE 1.206 - 2.881 1.622,87 1.206,18 1.354,95 2.378,37 2.880,75
Curitiba - PR 1.320 - 2.185 1.570,17 1.320,00 1.500,00 1.803,70 2.184,70
Rio de Janeiro - RJ 1.246 - 3.624 1.767,41 1.246,00 1.500,00 2.991,90 3.623,88
Farroupilha - RS 1.212 - 2.422 1.542,96 1.211,60 1.480,00 2.000,00 2.422,46
Franca - SP 1.319 - 1.908 1.429,80 1.319,00 1.415,00 1.575,00 1.907,69
Goiânia - GO 1.082 - 2.292 1.351,72 1.082,15 1.244,94 1.892,00 2.291,65
Salvador - BA 1.066 - 1.725 1.141,10 1.066,00 1.066,00 1.424,51 1.725,41
Tupã - SP 1.137 - 1.731 1.217,35 1.137,16 1.165,60 1.429,03 1.730,88
Sinop - MT 1.060 - 1.453 1.102,40 1.060,00 1.096,00 1.200,00 1.453,48
Osasco - SP 1.293 - 3.697 1.661,71 1.292,50 1.292,50 3.052,38 3.697,13
Cotia - SP 1.458 - 3.634 1.926,48 1.458,05 1.733,60 3.000,00 3.633,69
Parauapebas - PA 1.523 - 3.411 1.882,06 1.523,30 1.523,30 2.816,00 3.410,82
Araranguá - SC 1.300 - 2.725 1.519,33 1.300,00 1.300,00 2.250,00 2.725,27
Araucária - PR 1.387 - 1.681 1.387,69 1.387,06 1.388,00 1.388,00 1.681,19


Remuneração nos estados

Estado Faixa Salarial Média Salarial 1º Quartil Salário Mediana 3º Quartil Maior Salário
São Paulo 1.121 - 2.513 1.454,04 1.120,54 1.287,48 2.075,05 2.513,36
Minas Gerais 1.078 - 2.598 1.406,33 1.077,92 1.199,87 2.145,28 2.598,42
Rio Grande do Sul 1.235 - 2.197 1.436,96 1.234,67 1.324,00 1.814,05 2.197,23
Paraná 1.227 - 2.488 1.532,37 1.227,11 1.388,00 2.053,84 2.487,67
Santa Catarina 1.166 - 2.854 1.576,28 1.166,48 1.400,20 2.356,08 2.853,75
Rio de Janeiro 1.172 - 2.673 1.530,20 1.172,30 1.335,98 2.206,82 2.672,97
Mato Grosso 1.061 - 2.727 1.402,67 1.060,50 1.155,00 2.251,17 2.726,68
Goiás 1.062 - 3.461 1.607,18 1.062,15 1.300,00 2.857,19 3.460,71
Distrito Federal 1.162 - 3.634 2.302,53 1.162,00 2.443,20 3.000,00 3.633,69
Ceará 1.157 - 2.971 1.550,15 1.156,61 1.265,88 2.453,01 2.971,16
Pernambuco 1.045 - 2.426 1.320,31 1.045,00 1.122,50 2.002,91 2.425,98
Bahia 1.066 - 1.620 1.139,95 1.066,00 1.066,00 1.337,76 1.620,34
Pará 1.270 - 3.202 1.793,87 1.270,40 1.523,30 2.644,00 3.202,49
Rondônia 1.065 - 3.296 2.081,15 1.065,00 2.721,00 2.721,00 3.295,76
Espírito Santo 1.130 - 2.123 1.317,66 1.130,00 1.166,12 1.752,57 2.122,77
Rio Grande do Norte 1.045 - 5.051 1.750,71 1.045,00 1.289,98 4.170,00 5.050,83
Maranhão 1.087 - 3.028 1.669,32 1.086,65 1.574,35 2.500,00 3.028,08
Acre 1.078 - 3.634 2.447,90 1.077,84 2.580,84 3.000,00 3.633,69
Mato Grosso do Sul 1.175 - 2.327 1.358,00 1.175,20 1.217,00 1.921,00 2.326,77


Principais locais de trabalho

Trabalhadores de laboratório fotográfico e radiológico atuam no segmento de edição, impressão e reprodução de gravações, em diversas atividades empresariais e nos serviços de educação, o auxiliar de radiologia pode trabalhar também nos serviços de saúde. São empregados com carteira assinada ou autônomos. Estão organizados de forma individual, sob supervisão ocasional, em ambiente fechado e no horário diurno. Trabalham sob pressão, em posições desconfortáveis por longo período de tempo e permanecem expostos a materiais tóxicos. O auxiliar de radiologia pode estar sujeito à radiação.


O que é preciso para trabalhar na área dos Trabalhadores de laboratório fotográfico e radiológico

Para o exercício desse cargo requer-se ensino médio concluído e curso de qualificação profissional em torno de duzentas horas-aula, ministrado por instituições ou escolas especializadas na área. O pleno desempenho das atividades ocorre com um ano de experiência profissional. Os cargos listados nesta família ocupacional, demandam formação profissional para efeitos do cálculo do número de aprendizes a serem contratados pelos estabelecimentos.


Funções e atividades do Supervisor de laboratório fotográfico

Trabalhadores de laboratório fotográfico e radiológico devem:

  • demonstrar competências pessoais;
  • preparar equipamentos e soluções químicas;
  • revelar filmes coloridos dispositivos e negativos;
  • revelar filmes radiográficos;
  • conferir fotos ampliadas;
  • revelar filme preto e branco;
  • reproduzir fotografias;
  • ampliar fotografias coloridas e preto e branco;
  • manipular filmes radiológicos;

  • Atividades

    • programar máquina conforme exame;
    • identificar filme com envelope;
    • ajustar foco do ampliador;
    • separar fotos impressas por filme;
    • trabalhar em equipe;
    • secar fotografias;
    • calibrar filtros;
    • examinar grafia revelada;
    • inserir foto no branqueador;
    • fotografar foto;
    • ampliar foto;
    • imergir filme no revelador;
    • evidenciar criatividade;
    • banhar filme no fixador;
    • processar amostra;
    • cortar filme na câmera escura;
    • manifestar versatilidade;
    • inserir fotos e negativos no envelope conforme identificação;
    • colocar filme na bandeja;
    • demonstrar dinamismo;
    • manifestar iniciativa;
    • arquivar negativos no porta negativos (sleever);
    • testar luz de segurança;
    • evidenciar atenção concentrada;
    • preparar produtos químicos;
    • limpar roletes dos tanques;
    • monitorar fluxo de água;
    • verificar posicionamento do filme;
    • dar provas de paciência;
    • acionar magazine;
    • demonstrar ética profissional;
    • analisar cor da amostra;
    • demonstrar comunicabilidade;
    • limpar reveladora e impressora;
    • identificar fabricante;
    • inspecionar câmera escura;
    • inserir foto no fixador;
    • imergir filme na água;
    • imergir filme no banho interruptor;
    • tratar solução de refugos (produtos químicos);
    • regular filtros conforme tipos de filmes;
    • limpar parte ótica da máquina;
    • analisar cor e densidade das fotos;
    • verificar o ph dos produtos químicos;
    • posicionar negativo no ampliador;
    • preparar soluções químicas de reforço;
    • verificar temperatura da solução química;
    • cortar filme no espiral;
    • selecionar marginador conforme tamanho de impressão;
    • dar provas de flexibilidade;
    • extrair pontas do filme;
    • demonstrar auto-organização;
    • analisar cor e densidade do filme;
    • analisar foto;
    • verificar quantidade de solução de trabalho (produtos químicos);
    • banhar foto no revelador;
    • identificar fotos impressas conforme sequência;
    • retirar filme copiado do cabide;
    • controlar quantidade de material (filmes, produtos químicos e contraste);
    • analisar densidade da amostra;
    • revelar filme;
    • inspecionar funcionamento da máquina;
    • banhar foto no estabilizador;
    • imergir foto na água;
    • demonstrar confiabilidade;
    • secar filme;
    • imprimir fotografia;
    • examinar fotograma;
    • posicionar caixa de filme;
    • abastecer magazine com papel;
    • inserir filme no banho de reversão (diapositivos);
    • banhar filme no estabilizador;
    • inserir filme no segundo revelador de cores (diapositivos);
    • retirar filme do magazine;


    Setores que mais contratam Supervisor de laboratório fotográfico no mercado de trabalho

    • Laboratórios fotográficos
    • Atividades de produção de fotografias, exceto aérea e submarina
    • Comércio varejista de artigos fotográficos e para filmagem
    • Serviços de diagnóstico por imagem com uso de radiação ionizante, exceto tomografia
    • Construção de rodovias e ferrovias
    • Comércio varejista de artigos de óptica
    • Fabricação de produtos de pastas celulósicas, papel, cartolina, papel-cartão e papelão ondulado não especificados anteriormente
    • Comércio varejista de mercadorias em geral, com predominância de produtos alimentícios - hipermercados
    • Testes e análises técnicas
    • Serviços de engenharia




    Fonte: Pesquisa Portal Salario.com.br

    Profissões em Destaque: