Salário para o cargo de Montador de chassi
CBO 7255-05 > Montadores de veículos automotores (linha de montagem)

Montador de chassi - Descrição, atividades, funções e salário do cargo

Montam veículos automotores, organizam o ambiente de trabalho e monitoram o funcionamento de equipamentos e ferramentas em linhas de montagem. Controlam processos de montagem e elaboram documentação técnica. As atividades são exercidas em conformidade a normas e procedimentos técnicos, de qualidade, segurança, saúde e preservação do meio ambiente.

Quanto ganha um Montador de chassi

Um Montador de chassi trabalhando no Brasil, ganha entre R$ 1.505,91 e R$ 4.786,51, com a média salarial de R$ 2.299,17 e o salário mediana em R$ 1.778,93 de acordo com pesquisa salarial junto ao Novo CAGED, Empregador Web e eSocial.


Faixas salariais do cargo de Montador de chassi

Salário Mensal Salário Anual Salário Por Semana Salário Por Hora
Média Salarial 2.299,17 27.590,06 574,79 10,93
1º Quartil 1.505,91 18.070,89 376,48 7,16
Salário Mediana 1.778,93 21.347,16 444,73 8,46
3º Quartil 3.650,39 43.804,73 912,60 17,35
Teto Salarial 4.786,51 57.438,07 1.196,63 22,75


Categorias profissionais do cargo

  • Trabalhadores da produção de bens e serviços industriais
    • Trabalhadores da transformação de metais e de compósitos
      • Montadores de máquinas e aparelhos mecânicos
        • Montadores de veículos automotores (linha de montagem)

Cargos relacionados:



Salários nas cidades que mais contratam

Cidade Faixa Salarial Média Salarial 1º Quartil Salário Mediana 3º Quartil Maior Salário
Betim - MG 1.403 - 2.347 1.660,30 1.402,56 1.641,20 1.937,82 2.347,15
São José dos Pinhais - PR 1.760 - 5.492 3.311,26 1.760,15 3.708,00 4.534,06 5.491,79
Manaus - AM 1.517 - 2.534 1.698,37 1.517,31 1.595,20 2.092,17 2.534,09
São Caetano do Sul - SP 2.064 - 5.354 2.693,66 2.063,86 2.156,00 4.420,14 5.353,81
Curitiba - PR 2.116 - 4.485 2.782,85 2.115,99 2.755,50 3.703,01 4.485,20
Resende - RJ 1.361 - 2.471 1.613,15 1.360,55 1.533,40 2.039,87 2.470,76
Gravatai - RS 1.586 - 3.394 2.028,90 1.585,59 1.830,00 2.801,92 3.393,77
São Bernardo do Campo - SP 2.208 - 5.742 2.946,51 2.208,39 2.348,82 4.740,59 5.741,95
Piracicaba - SP 1.666 - 10.333 3.494,91 1.665,71 1.804,00 8.530,77 10.332,72
São José dos Campos - SP 2.045 - 7.223 3.123,47 2.045,28 2.156,00 5.963,11 7.222,69
Camaçari - BA 2.490 - 4.585 3.134,61 2.489,67 3.149,94 3.785,51 4.585,12
Sete Lagoas - MG 1.444 - 1.943 1.543,44 1.443,88 1.590,60 1.604,00 1.942,81
Goiana - PE 1.125 - 1.645 1.252,98 1.125,30 1.302,40 1.357,82 1.644,63
Anápolis - GO 1.431 - 1.867 1.462,74 1.430,63 1.439,57 1.541,68 1.867,33
Taubaté - SP 2.140 - 7.917 4.878,83 2.140,34 5.356,00 6.536,71 7.917,46
Sorocaba - SP 1.785 - 2.546 1.980,33 1.784,87 2.017,40 2.101,66 2.545,59
Joinville - SC 1.280 - 2.316 1.448,26 1.279,83 1.296,00 1.912,30 2.316,23
Iracemápolis - SP 2.219 - 3.654 2.484,80 2.219,30 2.316,05 3.016,91 3.654,17
São Paulo - SP 1.450 - 3.222 1.909,71 1.449,97 1.763,00 2.659,70 3.221,51
Videira - SC 1.274 - 2.191 1.435,89 1.274,03 1.298,85 1.808,52 2.190,53


Remuneração nos estados

Estado Faixa Salarial Média Salarial 1º Quartil Salário Mediana 3º Quartil Maior Salário
São Paulo 1.671 - 6.463 2.850,57 1.671,40 2.156,00 5.335,95 6.463,06
Minas Gerais 1.361 - 2.334 1.636,49 1.361,15 1.641,20 1.926,94 2.333,97
Paraná 1.652 - 5.338 2.910,84 1.652,42 2.835,95 4.407,34 5.338,30
Rio Grande do Sul 1.413 - 7.387 2.782,77 1.413,26 1.830,00 6.098,49 7.386,67
Santa Catarina 1.287 - 2.752 1.679,03 1.287,27 1.573,50 2.272,18 2.752,13
Rio de Janeiro 1.344 - 2.545 1.629,84 1.343,56 1.533,40 2.101,28 2.545,13
Amazonas 1.517 - 2.534 1.698,37 1.517,31 1.595,20 2.092,17 2.534,09
Pernambuco 1.124 - 1.769 1.279,59 1.124,23 1.302,40 1.460,49 1.769,00
Bahia 1.990 - 4.558 2.977,09 1.989,76 3.149,94 3.763,38 4.558,32
Goiás 1.352 - 1.971 1.464,44 1.352,09 1.439,57 1.627,02 1.970,69
Ceará 1.119 - 2.016 1.344,32 1.119,02 1.349,44 1.664,74 2.016,38
Espírito Santo 1.084 - 2.394 1.413,72 1.084,03 1.335,52 1.976,81 2.394,37
Paraíba 1.059 - 1.549 1.129,97 1.058,80 1.090,00 1.279,07 1.549,25
Mato Grosso 1.144 - 2.680 1.540,37 1.144,44 1.357,15 2.212,50 2.679,85
Distrito Federal 1.135 - 1.696 1.213,53 1.135,00 1.155,00 1.399,86 1.695,56
Pará 1.257 - 2.544 1.682,15 1.257,37 1.521,08 2.100,00 2.543,58
Rio Grande do Norte 1.048 - 2.638 1.464,41 1.047,50 1.301,73 2.177,80 2.637,82
Rondônia 1.073 - 1.982 1.248,57 1.072,91 1.178,27 1.636,25 1.981,88
Maranhão 1.087 - 1.925 1.265,95 1.086,87 1.194,65 1.589,53 1.925,29
Sergipe 1.062 - 1.666 1.164,64 1.062,00 1.100,00 1.375,12 1.665,59
Acre 1.129 - 1.962 1.226,78 1.128,60 1.128,60 1.619,50 1.961,59
Mato Grosso do Sul 1.090 - 2.902 1.642,70 1.090,00 1.418,16 2.395,50 2.901,50
Piauí 1.056 - 1.504 1.116,17 1.056,00 1.083,50 1.241,67 1.503,95
Roraima 1.092 - 1.377 1.120,70 1.092,00 1.124,76 1.137,24 1.377,46
Alagoas 1.045 - 1.938 1.236,86 1.045,00 1.060,00 1.600,00 1.937,97
Tocantins 1.088 - 1.750 1.252,60 1.087,68 1.300,00 1.445,00 1.750,23


Principais locais de trabalho

Montadores de veículos automotores (linha de montagem) atuam na fabricação e montagem de veículos automotores. São empregados com carteira assinada, trabalham em equipe na linha de montagem, com supervisão ocasional, em ambiente fechado e em horários irregulares. Eventualmente, trabalham sob pressão e são expostos a ruído intenso.


O que é preciso para trabalhar na área dos Montadores de veículos automotores (linha de montagem)

Para o exercício desse cargo requer-se ensino médio e curso básico de qualificação profissional em torno de duzentas horas-aula. O pleno desempenho das atividades ocorre com até um ano de experiência profissional. Os cargos listados nesta família ocupacional, demandam formação profissional para efeitos do cálculo do número de aprendizes a serem contratados pelos estabelecimentos.


Funções e atividades do Montador de chassi

Montadores de veículos automotores (linha de montagem) devem:

  • demonstrar competências pessoais;
  • monitorar funcionamento de equipamentos e ferramentas na linha de montagem;
  • trabalhar com segurança;
  • elaborar documentação técnica;
  • montar veículos automotores;
  • organizar ambiente de trabalho;
  • controlar processo de montagem;

  • Atividades

    • praticar exercícios para prevenção de doenças ocupacionais;
    • separar peças não conformes;
    • solicitar epi e epc;
    • substituir peças e componentes;
    • identificar problemas técnicos e de segurança na linha de montagem;
    • lubrificar componentes do veículo;
    • testar funcionamento de portas, capôs e acessórios;
    • demonstrar flexibilidade;
    • demonstrar raciocínio crítico;
    • limpar posto de trabalho;
    • preencher documentos de controle;
    • substituir equipamentos e ferramentas;
    • utilizar equipamentos pneumáticos e elétricos no processo de montagem;
    • selecionar equipamentos, ferramentas, instrumentos e dispositivos;
    • utilizar ferramentas manuais;
    • comparar tempos de cada etapa da montagem;
    • ordenar ferramentas e instrumentos;
    • demonstrar responsabilidade;
    • interpretar instruções de trabalho;
    • administrar imprevistos;
    • registrar dados de montagem;
    • preencher solicitação de manutenção;
    • solicitar manutenção de equipamentos, ferramentas e instrumentos;
    • separar resíduos sólidos, líquidos e gasosos;
    • preencher requisição de materiais;
    • inspecionar visualmente a soldagem de componentes;
    • demonstrar coordenação motora;
    • identificar atos e condições inseguras;
    • seguir orientações da cipa no ambiente de trabalho;
    • comunicar-se com clareza e precisão;
    • observar características técnicas de pintura;
    • conferir dimensões dos componentes a serem montados;
    • demonstrar disciplina;
    • regular pressão de ar comprimido;
    • verificar condições de iluminação e ventilação do ambiente;
    • conferir acabamento de peças e acessórios;
    • respeitar prazos;
    • conferir especificações de peças, acessórios e componentes;
    • seguir horários de início e término de expediente;
    • identificar insumos em bancadas e prateleiras;
    • interpretar desenhos;
    • manter-se organizado;
    • ajustar ferramentas, equipamentos e instrumentos;
    • selecionar peças e equipamentos;
    • posicionar peças e componentes;
    • fixar peças e componentes;
    • preencher documentação técnica para atendimento aos procedimentos da qualidade;
    • testar equipamentos, ferramentas e instrumentos;
    • separar resíduos para descarte;
    • ajustar peças e componentes;
    • controlar durabilidade de equipamentos, ferramentas e instrumentos;
    • usar epi e epc referenciados no procedimento;
    • verificar encaixes de peças;
    • manter atenção concentrada;


    Setores que mais contratam Montador de chassi no mercado de trabalho

    • Fabricação de automóveis, camionetas e utilitários
    • Fabricação de caminhões e ônibus
    • Fabricação de cabines, carrocerias e reboques para caminhões
    • Fabricação de motores para automóveis, camionetas e utilitários
    • Fabricação de motocicletas
    • Fabricação de outras peças e acessórios para veículos automotores
    • Fabricação de tratores, peças e acessórios, exceto agrícolas
    • Comércio a varejo de peças e acessórios novos para veículos automotores
    • Serviços de lanternagem ou funilaria e pintura de veículos automotores
    • Serviços de manutenção e reparação mecânica de veículos automotores




    Fonte: Pesquisa Portal Salario.com.br

    Profissões em Destaque: