Salário para o cargo de Impressor gráfico manual
CBO 7662-50 > Trabalhadores da impressão gráfica

Impressor gráfico manual - Descrição, atividades, funções e salário do cargo

Planejam serviços da impressão gráfica e ajustam máquinas para impressão. Realizam serviços da impressão gráfica, tais como impressão plana e rotativa, impressão digital, flexografia, litografia, tipografia, letterset, calcografia, tampografia, rotogragura e serigrafia (silkscreen). Trabalham seguindo normas e procedimentos técnicos e de qualidade, segurança, meio ambiente, higiene e saúde.

Quanto ganha um Impressor gráfico manual

Um Impressor gráfico manual trabalhando no Brasil, ganha entre R$ 1.350,81 e R$ 3.936,10, com a média salarial de R$ 1.985,33 e o salário mediana em R$ 1.700,00 de acordo com pesquisa salarial junto ao Novo CAGED, Empregador Web e eSocial.


Faixas salariais do cargo de Impressor gráfico manual

Salário Mensal Salário Anual Salário Por Semana Salário Por Hora
Média Salarial 1.985,33 23.823,91 496,33 9,16
1º Quartil 1.350,81 16.209,73 337,70 6,23
Salário Mediana 1.700,00 20.400,00 425,00 7,84
3º Quartil 3.001,84 36.022,02 750,46 13,85
Teto Salarial 3.936,10 47.233,15 984,02 18,16


Categorias profissionais do cargo

  • Trabalhadores da produção de bens e serviços industriais
    • Trabalhadores nas indústrias têxtil, do curtimento, do vestúario e das artes gráficas
      • Trabalhadores da produção gráfica
        • Trabalhadores da impressão gráfica

Cargos relacionados:



Salários nas cidades que mais contratam

Cidade Faixa Salarial Média Salarial 1º Quartil Salário Mediana 3º Quartil Maior Salário
São Paulo - SP 1.546 - 5.896 2.813,74 1.546,09 2.310,74 4.867,67 5.895,87
Caruaru - PE 1.080 - 2.320 1.330,89 1.080,21 1.133,32 1.915,57 2.320,20
Rio de Janeiro - RJ 1.550 - 3.397 2.030,90 1.550,05 1.824,81 2.804,81 3.397,27
Mogi-Guaçu - SP 1.797 - 4.746 2.565,05 1.797,21 2.172,07 3.918,52 4.746,23
Belo Horizonte - MG 1.172 - 2.916 1.712,89 1.172,42 1.575,00 2.407,63 2.916,19
Brasília - DF 1.244 - 2.273 1.402,08 1.244,00 1.244,00 1.876,32 2.272,65
Fortaleza - CE 1.086 - 2.323 1.340,46 1.085,84 1.100,00 1.917,81 2.322,90
Franca - SP 1.436 - 2.566 1.661,87 1.435,73 1.553,20 2.118,52 2.566,01
Colombo - PR 1.464 - 1.882 1.510,62 1.463,64 1.512,27 1.553,48 1.881,62
Barueri - SP 1.308 - 2.570 1.554,84 1.308,00 1.308,00 2.121,57 2.569,71
Caxias do Sul - RS 1.290 - 3.813 2.163,36 1.290,00 2.000,00 3.148,04 3.813,00
Contagem - MG 1.800 - 3.651 2.263,41 1.799,79 2.165,50 3.014,45 3.651,20
Andradina - SP 1.089 - 1.400 1.137,65 1.088,72 1.155,77 1.155,77 1.399,90
Cachoeirinha - RS 1.430 - 4.534 2.198,34 1.430,00 1.739,20 3.743,03 4.533,67
Cambe - PR 1.336 - 2.908 1.800,98 1.335,86 1.705,41 2.401,00 2.908,16
Três Pontas - MG 1.111 - 1.736 1.228,59 1.111,46 1.188,81 1.433,12 1.735,84
Guarulhos - SP 1.669 - 4.539 2.762,60 1.668,78 2.970,79 3.747,50 4.539,08
Blumenau - SC 1.444 - 3.826 2.103,76 1.444,00 1.600,00 3.158,92 3.826,17
Pinhalzinho - SC 1.261 - 1.877 1.405,78 1.260,50 1.391,00 1.550,00 1.877,41
Araras - SP 1.752 - 2.838 1.937,31 1.751,69 1.835,24 2.342,76 2.837,62


Remuneração nos estados

Estado Faixa Salarial Média Salarial 1º Quartil Salário Mediana 3º Quartil Maior Salário
São Paulo 1.407 - 4.860 2.369,96 1.407,30 1.989,94 4.012,83 4.860,46
Minas Gerais 1.122 - 3.076 1.662,90 1.121,58 1.390,00 2.539,57 3.076,00
Santa Catarina 1.369 - 4.108 2.140,10 1.368,95 1.781,97 3.391,84 4.108,29
Paraná 1.348 - 3.609 1.922,17 1.348,25 1.600,00 2.979,33 3.608,65
Rio de Janeiro 1.277 - 3.226 1.862,25 1.277,14 1.768,80 2.663,52 3.226,13
Rio Grande do Sul 1.354 - 3.563 1.957,72 1.354,01 1.758,38 2.941,96 3.563,39
Pernambuco 1.091 - 3.288 1.616,45 1.090,86 1.250,00 2.714,49 3.287,87
Ceará 1.080 - 2.289 1.323,81 1.080,19 1.100,00 1.889,61 2.288,75
Distrito Federal 1.244 - 2.273 1.402,08 1.244,00 1.244,00 1.876,32 2.272,65
Mato Grosso 1.045 - 2.694 1.431,27 1.045,00 1.100,00 2.224,18 2.693,99
Goiás 1.079 - 3.077 1.629,73 1.079,47 1.400,00 2.540,00 3.076,52
Bahia 1.045 - 1.811 1.177,66 1.045,00 1.073,71 1.495,21 1.811,04
Espírito Santo 1.153 - 3.152 1.619,16 1.153,50 1.309,00 2.601,94 3.151,55
Paraíba 1.128 - 1.812 1.262,41 1.127,92 1.198,89 1.496,15 1.812,18
Piauí 1.053 - 1.399 1.082,27 1.052,93 1.073,44 1.155,00 1.398,97
Pará 1.500 - 2.802 2.078,91 1.500,00 2.200,00 2.313,18 2.801,79
Mato Grosso do Sul 1.147 - 2.483 1.538,12 1.147,12 1.300,00 2.050,00 2.483,02


Principais locais de trabalho

Trabalhadores da impressão gráfica atuam no segmento de edição, impressão e reprodução de gravações e em diversas atividades empresariais como empregados assalariados com carteira assinada. Estão organizados de forma individual sob supervisão permanente, em ambiente fechado e por rodízio de turnos (diurno/noturno). Trabalham sob pressão, em posições desconfortáveis por longo período de tempo e permanecem expostos a materiais tóxicos, radiação e ruído intenso.


O que é preciso para trabalhar na área dos Trabalhadores da impressão gráfica

Para o exercício desse cargo requer-se ensino médio concluído e curso de qualificação profissional de duzentas a quatrocentas horas- aula, ministrado por instituições ou escolas especializadas na área. O pleno desempenho das atividades ocorre até um ano de experiência profissional. Os cargos listados nesta família ocupacional, demandam formação profissional para efeitos do cálculo do número de aprendizes a serem contratados pelos estabelecimentos.


Funções e atividades do Impressor gráfico manual

Trabalhadores da impressão gráfica devem:

  • planejar serviços da impressão gráfica;
  • imprimir com segurança;
  • imprimir em serigrafia (silkscreen);
  • imprimir impressão digital;
  • demonstrar competências pessoais;
  • ajustar máquinas para impressão;
  • imprimir em rotogravura;
  • imprimir flexografia, litografia , tipografia e letterset;
  • imprimir em calcografia e tampografia;
  • imprimir ofsete plana e rotativa;

  • Atividades

    • regular o estojo do cilindro;
    • acompanhar o desempenho da equipe de produção;
    • ajustar os rolos;
    • fixar tela no caixote;
    • evidenciar coordenação motora;
    • programar máquina;
    • ajustar tonalidade da tinta;
    • verificar conformidade (fonte, imagem);
    • receber arquivos;
    • abastecer tinteiros;
    • ajustar sistemas de saída;
    • ajustar formato e tensão do papel;
    • controlar valores físicos e químicos das soluções umectantes;
    • limpar máquinas;
    • controlar visualmente o nível de soluções umectantes;
    • selecionar arquivos de impressão;
    • prender lâmina de raspagem na máquina;
    • ajustar a pressão dos cilindros;
    • ajustar dobradeira;
    • analisar ordem de serviço;
    • organizar local de trabalho;
    • cumprir normas de segurança, meio ambiente e procedimentos de trabalho;
    • orientar-se por detalhes (acuidade visual);
    • ajustar pressão e ângulo da lâmina de raspagem;
    • pressionar o rodo sobre a tela para imprimir;
    • demonstrar criatividade;
    • orientar equipe de trabalho quanto aos procedimentos operacionais;
    • dar provas de auto-organização;
    • ajustar manualmente ou automaticamente o esquadro (batentes laterais e frontais) da impressora;
    • acoplar na máquina o reservatório com tinta;
    • manifestar iniciativa;
    • substituir manualmente rolo e prensor;
    • ajustar manualmente a pinça;
    • abastecer máquina com suporte (papel, plásticos, folhas de flandre);
    • adicionar tinta sobre a tela;
    • medir com régua os batentes de acordo com as especificações;
    • registrar condições de funcionamento das máquinas e andamento da produção;
    • fixar placa de relevo na matriz corte e vinco;
    • regular o umedecimento da matriz;
    • regular tinteiro;
    • solicitar materiais;
    • ajustar temperatura dos cilindros e pressão dos rolos;
    • prender com dobradiça o caixote na mesa de impressão;
    • regular os trilhos;
    • utilizar equipamentos de proteção individual;
    • preparar o molde para impressão;
    • conservar máquinas;
    • preparar banheira para limpeza da matriz;
    • avaliar o desempenho da equipe de produção;
    • preparar matriz para impressão;
    • fixar entintadores na máquina;
    • fixar matrizes na máquina;
    • fixar manualmente matriz na rama;
    • colocar cilindros de impressão na máquina;
    • conferir especificações de materiais e ferramentas para impressão;
    • colocar os impressos na estufa;
    • adicionar produtos auxiliares na tinta (diluentes, secantes);
    • marcar o papel de acordo com as medidas da pinça;
    • ajustar extrator de aparas;
    • ajustar a medida da máquina para impressão;
    • ajustar temperatura da estufa de secagem;
    • montar a matriz na máquina;
    • controlar visualmente ou por instrumento a tonalidade e registro do impresso;
    • tirar provas;
    • enviar arquivo para ripagem (transformação de linguagem de máquina digital);
    • marcar o molde nos rolos, pressionando-o na matriz;
    • ajustar manualmente ou automaticamente o registro do material impresso;


    Setores que mais contratam Impressor gráfico manual no mercado de trabalho

    • Impressão de material para outros usos
    • Impressão de material para uso publicitário
    • Edição integrada à impressão de cadastros, listas e outros produtos gráficos
    • Serviços de pré-impressão
    • Comércio varejista de outros produtos não especificados anteriormente
    • Fabricação de produtos de papel, cartolina, papel-cartão e papelão ondulado para uso comercial e de escritório, exceto formulário contínuo
    • Impressão de livros, revistas e outras publicações periódicas
    • Fabricação de laminados planos e tubulares de material plástico
    • Fabricação de embalagens metálicas
    • Fabricação de embalagens de material plástico




    Fonte: Pesquisa Portal Salario.com.br

    Profissões em Destaque: