Salário para o cargo de Trabalhador na captura de crustáceos
CBO 6310-05 > Pescadores polivalentes

Trabalhador na captura de crustáceos - Descrição, atividades, funções e salário do cargo

Realizam pesca artesanal e captura de crustáceos (exceto camarão e lagosta). Despescam rede e espinhel, possibilitando o preparo e a comercialização do pescado. Constroem, mantêm e conduzem embarcações de pequeno porte.

Quanto ganha um Trabalhador na captura de crustáceos

Um Trabalhador na captura de crustáceos trabalhando no Brasil, ganha entre R$ 1.358,20 e R$ 7.656,86, com a média salarial de R$ 2.355,97 e o salário mediana em R$ 1.469,00 de acordo com pesquisa salarial junto ao Novo CAGED, Empregador Web e eSocial.


Faixas salariais do cargo de Trabalhador na captura de crustáceos

Salário Mensal Salário Anual Salário Por Semana Salário Por Hora
Média Salarial 2.355,97 28.271,64 588,99 10,71
1º Quartil 1.358,20 16.298,40 339,55 6,17
Salário Mediana 1.469,00 17.628,00 367,25 6,68
3º Quartil 5.839,45 70.073,40 1.459,86 26,54
Teto Salarial 7.656,86 91.882,34 1.914,22 34,80


Categorias profissionais do cargo

  • Trabalhadores agropecuários, florestais e da pesca
    • Pescadores e extrativistas florestais
      • Pescadores e caçadores
        • Pescadores polivalentes

Cargos relacionados:



Salários nas cidades que mais contratam

Cidade Faixa Salarial Média Salarial 1º Quartil Salário Mediana 3º Quartil Maior Salário


Remuneração nos estados

Estado Faixa Salarial Média Salarial 1º Quartil Salário Mediana 3º Quartil Maior Salário


Principais locais de trabalho

Pescadores polivalentes trabalham por conta própria na pesca pecuária e serviços relacionados. O trabalho é presencial, realizado em equipe (grupo de pescadores). As atividades são realizadas a céu aberto, durante o dia. Permanecem, durante longos períodos, em posições desconfortáveis, ficam expostos à variação climática e ferimentos inerentes às atividades. Estão sujeitos a picadas de insetos (catadores de marisco e de caranguejos e siris).


O que é preciso para trabalhar na área dos Pescadores polivalentes

O exercício do cargo de Pescadores polivalentes é livre, com aprendizado na prática. O pleno desempenho dessas atividades ocorre aproximadamente com um ano de experiência. Os cargos listados nesta família ocupacional, demandam formação profissional para efeitos do cálculo do número de aprendizes a serem contratados pelos estabelecimentos.


Funções e atividades do Trabalhador na captura de crustáceos

Pescadores polivalentes devem:

  • executar construção e manutenção de embarcações de pequeno porte;
  • capturar crustáceos (exceto camarão e lagosta);
  • providenciar materiais e equipamentos de pesca;
  • comercializar pescado;
  • preparar pescado;
  • realizar pesca artesanal;
  • conduzir embarcações de pequeno porte;
  • demonstrar competências pessoais;
  • despescar rede e espinhel;

  • Atividades

    • lançar tarrafas para captura de peixe e camarão;
    • manifestar coragem;
    • catar caranguejos com pés;
    • descarnar pescado;
    • pilotar cana de leme;
    • orientar equipe;
    • carregar embarcação com materiais e equipamentos de pesca;
    • pintar embarcação;
    • amarrar crustáceos;
    • filetar peixes;
    • operar motor de embarcação;
    • lançar pneus ao mar para captura de peixe e lagosta;
    • cravar arpão ou fisga em peixe;
    • demonstrar sensibilidade com a natureza;
    • demonstrar senso de orientação;
    • controlar velas de embarcações;
    • gelar pescado em caixa isotérmica;
    • montar espinhel para captura de peixe;
    • tapar buracos de caranguejo com lama ou folhas;
    • plainar madeira e embarcação;
    • verificar equipamentos de segurança;
    • pescar iscas;
    • nivelar terreno de local de construção;
    • ancorar redes em poita para captura de peixe, camarão e lagosta;
    • abastecer embarcação com combustível;
    • consertar equipamentos;
    • armar laço liso para captura de caranguejo;
    • reparar embarcação;
    • fixar redes em buracos de caranguejo;
    • selecionar lugar de pesca;
    • retirar pescado de redes;
    • ferventar pescado;
    • descarregar pescado;
    • medir madeira;
    • descabeçar lagosta e camarão;
    • puxar redes de arrastão;
    • descascar camarão;
    • remar canoas e botes;
    • providenciar limão, folhas e vísceras de gado para captura de crustáceos;
    • fixar puçá no fundo do mar para captura de siris;
    • comprar combustível, materiais e equipamentos de pesca;
    • acondicionar pescado em caixas;
    • lavar pescado;
    • lançar redes de arrastão para captura de camarão;
    • pesar pescado;
    • lançar linha de fundo para captura de peixe;
    • escamar peixes;
    • trabalhar com procedimentos de segurança;
    • lixar madeira e embarcação;
    • recolher espinhel;
    • extrair madeira;
    • salgar pescado;
    • engaiolar lagosta e peixe;
    • lavar embarcação e equipamentos de pesca;
    • emitir nota fiscal;
    • defumar peixes;
    • fisgar siris;
    • lançar redes de cerco para captura de peixe;
    • lançar redes de caceio para captura de peixe e camarão;
    • posicionar latas para captura de goiamuns;
    • confeccionar armadilhas de lata para captura de goiamuns;
    • estender pescado ao sol para secagem;
    • abrir buracos de caranguejos e goiamuns;
    • mergulhar em lajes de pedras para captura de lagosta;
    • posicionar iscas;
    • eviscerar peixes;
    • retirar redes de mar;
    • devolver pescado ao mar ou mangue;
    • confeccionar covos para captura de peixe;
    • cortar nadadeiras de peixes;
    • pesquisar preços e mercado consumidor;
    • travar garras de siri;
    • congelar carne de pescado;
    • cavocar canoa;
    • calafetar embarcação;
    • colar madeira;
    • ensacar pescado;
    • escolher equipamentos de pesca;
    • armar espinhel em enseadas para captura de siris;
    • tecer redes e tarrafas;
    • confeccionar espinhel;
    • classificar pescado;
    • procurar locais para captura de crustáceos;
    • manifestar iniciativa;
    • transportar pescado;
    • "emendar redes com fibra têxtil sintética (""nylon"")";
    • confeccionar gaiola para captura de lagosta;
    • pregar madeira;
    • arrastar puçá para captura de peixe;
    • parafusar madeira;
    • negociar preço de pescado;
    • conservar caranguejo, siri e goiamum vivos;
    • manifestar resistência física;
    • catar crustáceos com mãos;
    • identificar cardumes;
    • contar crustáceos;
    • serrar madeira;


    Setores que mais contratam Trabalhador na captura de crustáceos no mercado de trabalho

    • Comércio varejista de artigos do vestuário e acessórios
    • Criação de bovinos para corte
    • Fabricação de conservas de peixes, crustáceos e moluscos




    Fonte: Pesquisa Portal Salario.com.br

    Profissões em Destaque: