Salário para o cargo de Produtor de espécies frutíferas trepadeiras
CBO 6125-15 > Produtores agrícolas na fruticultura

Produtor de espécies frutíferas trepadeiras - Descrição, atividades, funções e salário do cargo

Administram propriedade agrícola e planejam atividades da fruticultura. Plantam árvores frutíferas, espécies rasteiras e trepadeiras e realizam tratos culturais. Preparam solo para plantio, comercializam e beneficiam a produção frutífera e desenvolvem atividades de preservação ambiental.

Quanto ganha um Produtor de espécies frutíferas trepadeiras

Um Produtor de espécies frutíferas trepadeiras trabalhando no Brasil, ganha entre R$ 1.266,13 e R$ 2.001,29, com a média salarial de R$ 1.364,64 e o salário mediana em R$ 1.331,00 de acordo com pesquisa salarial junto ao Novo CAGED, Empregador Web e eSocial.


Faixas salariais do cargo de Produtor de espécies frutíferas trepadeiras

Salário Mensal Salário Anual Salário Por Semana Salário Por Hora
Média Salarial 1.364,64 16.375,64 341,16 6,20
1º Quartil 1.266,13 15.193,50 316,53 5,76
Salário Mediana 1.331,00 15.972,00 332,75 6,05
3º Quartil 1.526,27 18.315,27 381,57 6,94
Teto Salarial 2.001,29 24.015,54 500,32 9,10


Categorias profissionais do cargo

  • Trabalhadores agropecuários, florestais e da pesca
    • Produtores na exploração agropecuária
      • Produtores agrícolas
        • Produtores agrícolas na fruticultura

Cargos relacionados:



Salários nas cidades que mais contratam

Cidade Faixa Salarial Média Salarial 1º Quartil Salário Mediana 3º Quartil Maior Salário
São Joaquim - SC 1.263 - 1.612 1.307,22 1.263,33 1.331,00 1.331,00 1.612,15


Remuneração nos estados

Estado Faixa Salarial Média Salarial 1º Quartil Salário Mediana 3º Quartil Maior Salário
Santa Catarina 1.263 - 1.612 1.307,22 1.263,33 1.331,00 1.331,00 1.612,15


Principais locais de trabalho

Produtores agrícolas na fruticultura trabalham geralmente em pequenas propriedades agrícolas, com a ajuda dos familiares. Trabalham em equipe, sem supervisão, a ceu aberto, durante o dia. Podem permanecer em posições desconfortáveis por longos períodos, expostos ao sol, à chuva e a materiais tóxicos. Estão sujeitos à picada de animais peçonhentos.


O que é preciso para trabalhar na área dos Produtores agrícolas na fruticultura

O exercício desse cargo requer escolaridade de ensino fundamental a qualificação é contínua, realizada na prática, por meio de transmissão familiar de conhecimentos e com o auxílio de órgãos governamentais de assistência técnica e de extensão rural e cooperativa de produtores. Os cargos listados nesta família ocupacional, demandam formação profissional para efeitos do cálculo do número de aprendizes a serem contratados pelos estabelecimentos.


Funções e atividades do Produtor de espécies frutíferas trepadeiras

Produtores agrícolas na fruticultura devem:

  • desenvolver atividades de preservação ambiental;
  • plantar Árvores frutíferas, espécies rasteiras e trepadeiras;
  • administrar propriedade agrícola;
  • preparar solo para plantio;
  • planejar atividades em fruticultura;
  • beneficiar produção frutífera;
  • realizar tratos culturais em Árvores frutíferas, espécies rasteiras e trepadeiras;
  • comercializar produção frutífera;
  • demonstrar competências pessoais;

  • Atividades

    • adubar árvores frutíferas, espécies rasteiras e trepadeiras;
    • providenciar construção de galpões e instalações agrícolas;
    • dimensionar recursos financeiros;
    • separar lixos orgânico e inorgânico;
    • demonstrar espírito associativo;
    • produzir doces, geleias e compotas;
    • podar espécies rasteiras;
    • divulgar produção;
    • covear solo;
    • administrar mão-de-obra;
    • secar frutos;
    • colher frutos;
    • providenciar epi;
    • recolher amostras para análise de solo;
    • comprar material de propagação, insumos e embalagens;
    • elaborar planilha de custo;
    • identificar ponto de maturação;
    • planejar proteção contra intempéries;
    • amolar ferramentas;
    • dimensionar mão-de-obra;
    • subsolar solo;
    • construir terraços e poços de infiltração;
    • manifestar iniciativa;
    • desbastar espécies rasteiras;
    • inspecionar produção;
    • pagar despesas;
    • lavar frutos;
    • construir tanques e açudes;
    • enxertar mudas;
    • definir material de propagação;
    • comprar equipamentos e maquinário;
    • construir viveiros;
    • aplicar conservantes;
    • cavar fossas sépticas;
    • cobrir frutos;
    • dimensionar equipamentos e maquinário;
    • aceirar plantações;
    • corrigir deficiência nutricional de solo;
    • balizar área de plantio;
    • providenciar certificados de qualidade;
    • estaquear mudas;
    • armazenar produção;
    • limpar área de plantio;
    • trabalhar em equipe;
    • desbrotar árvores frutíferas;
    • efetuar rotação de culturas;
    • transportar produção;
    • desbastar espécies trepadeiras;
    • embalar frutos;
    • desbrotar espécies trepadeiras;
    • classificar frutos por tamanho e cor;
    • despolpar frutos;
    • escolher mudas;
    • drenar solo;
    • eliminar excesso de frutos, folhas e flores;
    • treinar mão-de-obra;
    • providenciar manutenção de equipamentos e maquinário;
    • transplantar mudas;
    • podar árvores frutíferas;
    • demonstrar resistência física;
    • capinar área plantada;
    • desbastar árvores frutíferas;
    • polir frutos de árvores frutíferas;
    • polinizar árvores frutíferas, espécies rasteiras e trepadeiras;
    • fermentar polpas;
    • produzir substrato;
    • irrigar área plantada;
    • encanteirar solo;
    • elaborar relatório de produção;
    • ensacar substrato;
    • controlar descarte de embalagens;
    • pulverizar herbicida;
    • cotar preços;
    • romanear carga;
    • definir espécies frutíferas;
    • registrar propriedade;
    • distribuir tarefas;
    • catar frutos no chão;
    • captar recursos financeiros;
    • corrigir acidez de solo;
    • semear espécies;
    • contatar fornecedores e distribuidores;
    • gradear solo;
    • desbrotar espécies rasteiras;
    • colocar cobertura morta ao redor de planta;
    • produzir sucos;
    • contratar consultoria técnica;
    • podar espécies trepadeiras;
    • definir técnicas de plantio;
    • controlar luz, temperatura e umidade em estufa;
    • pesquisar mercado;
    • emitir nota fiscal;
    • negociar preços, prazos e apresentação de produtos;
    • resfriar frutos;
    • sulcar solo;
    • acondicionar frutos em câmaras de maturação e conservação;
    • definir local de plantação;
    • demonstrar sensibilidade a natureza;
    • arar solo;
    • alternar faixas de cultivo;
    • higienizar ferramentas;
    • comprar material de proteção contra intempéries;
    • manifestar persistência;
    • providenciar assistência social para trabalhadores;
    • construir estrutura de sustentação de árvores e trepadeiras;
    • abrir valetas;
    • demonstrar espírito empreendedor;
    • despencar bananas;
    • efetuar adubação verde;
    • pulverizar hormônio indutor de floração;
    • controlar pragas e doenças;
    • roçar área plantada;
    • construir estufas;
    • pulverizar defensivos agrícolas;


    Setores que mais contratam Produtor de espécies frutíferas trepadeiras no mercado de trabalho

    • Comércio atacadista de frutas, verduras, raízes, tubérculos, hortaliças e legumes frescos
    • Atividades de pós-colheita
    • Fabricação de vinho
    • Cultivo de uva
    • Cultivo de flores e plantas ornamentais




    Fonte: Pesquisa Portal Salario.com.br

    Profissões em Destaque: