Salário para o cargo de Forneiro na refrigeração de sal
CBO 8412-10 > Trabalhadores no beneficiamento do sal

Forneiro na refrigeração de sal - Descrição, atividades, funções e salário do cargo

Atuam nos processos de moagem e secagem de sal, separam, peneiram e empacotam o sal beneficiado, controlam a qualidade do produto beneficiado.

Quanto ganha um Forneiro na refrigeração de sal

Um Forneiro na refrigeração de sal trabalhando no Brasil, ganha entre R$ 1.045,12 e R$ 2.048,96, com a média salarial de R$ 1.245,46 e o salário mediana em R$ 1.243,00 de acordo com pesquisa salarial junto ao Novo CAGED, Empregador Web e eSocial.


Faixas salariais do cargo de Forneiro na refrigeração de sal

Salário Mensal Salário Anual Salário Por Semana Salário Por Hora
Média Salarial 1.245,46 14.945,54 311,37 5,71
1º Quartil 1.045,12 12.541,43 261,28 4,79
Salário Mediana 1.243,00 14.916,00 310,75 5,70
3º Quartil 1.562,62 18.751,50 390,66 7,16
Teto Salarial 2.048,96 24.587,52 512,24 9,39


Categorias profissionais do cargo

  • Trabalhadores da produção de bens e serviços industriais
    • Trabalhadores da fabricação de alimentos, bebidas e fumo
      • Operadores de equipamentos na preparação de alimentos e bebidas
        • Trabalhadores no beneficiamento do sal

Cargos relacionados:



Salários nas cidades que mais contratam

Cidade Faixa Salarial Média Salarial 1º Quartil Salário Mediana 3º Quartil Maior Salário
Mossoró - RN 1.045 - 1.708 1.172,01 1.045,00 1.045,00 1.409,74 1.707,52
Areia Branca - RN 1.046 - 1.324 1.057,80 1.045,50 1.046,30 1.093,46 1.324,44
Paranaguá - PR 1.474 - 1.846 1.487,45 1.474,08 1.475,92 1.524,29 1.846,26
Porto do Mangue - RN 1.084 - 1.776 1.260,41 1.084,43 1.254,00 1.466,61 1.776,40
Cabo Frio - RJ 1.233 - 1.730 1.327,93 1.233,10 1.339,80 1.428,35 1.730,06
Grossos - RN 1.045 - 1.693 1.133,15 1.045,00 1.045,00 1.397,52 1.692,72
Macau - RN 1.045 - 1.403 1.081,62 1.045,00 1.061,41 1.158,68 1.403,43
Alegrete - RS 1.297 - 1.611 1.322,46 1.297,33 1.330,00 1.330,00 1.610,94
Várzea Grande - MT 1.400 - 1.696 1.400,00 1.400,00 1.400,00 1.400,00 1.695,72
Ribeirão dos Índios - SP 1.300 - 1.850 1.401,10 1.300,00 1.390,00 1.527,72 1.850,42
Galinhos - RN 1.061 - 1.395 1.111,42 1.060,76 1.096,67 1.151,50 1.394,73


Remuneração nos estados

Estado Faixa Salarial Média Salarial 1º Quartil Salário Mediana 3º Quartil Maior Salário
Rio Grande do Norte 1.045 - 1.649 1.144,28 1.045,00 1.046,30 1.361,39 1.648,95
Paraná 1.474 - 1.846 1.487,45 1.474,08 1.475,92 1.524,29 1.846,26
Rio de Janeiro 1.202 - 1.730 1.315,91 1.201,73 1.339,80 1.428,35 1.730,06
São Paulo 1.288 - 2.690 1.603,08 1.287,84 1.500,00 2.220,83 2.689,94
Rio Grande do Sul 1.283 - 1.615 1.319,80 1.283,22 1.330,00 1.333,43 1.615,09
Goiás 1.045 - 2.338 1.467,23 1.045,00 1.246,80 1.930,00 2.337,67
Mato Grosso 1.400 - 1.696 1.400,00 1.400,00 1.400,00 1.400,00 1.695,72


Principais locais de trabalho

Trabalhadores no beneficiamento do sal exercem suas atividades nas indústrias de extração e refino do sal, são empregados assalariados com carteira assinada. Atuam de forma individual, sob supervisão permanente, trabalham em ambientes fechados, em rodízio de turnos, nos períodos diurno e noturno. Podem estar expostos a ruído intenso.


O que é preciso para trabalhar na área dos Trabalhadores no beneficiamento do sal

Para o exercício desse cargo requer-se escolaridade de ensino fundamental concluído e curso básico de qualificação de até duzentas horas-aula. O desempenho pleno das atividades ocorre após um ou dois anos de experiência. Os cargos listados nesta família ocupacional, demandam formação profissional para efeitos do cálculo do número de aprendizes a serem contratados pelos estabelecimentos.


Funções e atividades do Forneiro na refrigeração de sal

Trabalhadores no beneficiamento do sal devem:

  • controlar a qualidade do sal beneficiado (moído e refinado);
  • processar a moagem do sal;
  • separar os diversos tipos de sal beneficiado (moído e refinado);
  • demonstrar competências pessoais;
  • peneirar o sal;
  • secar o sal;
  • empacotar o sal;

  • Atividades

    • controlar a rotação do moinho na trituração do sal;
    • controlar a rotação do moinho;
    • classificar a estocagem, de acordo com o tipo de sal;
    • operar exaustor;
    • transportar o sal grosso para moagem;
    • armazenar o sal em local seco e arejado;
    • demonstrar habilidade manual;
    • efetuar manutenção, conservação e limpeza dos equipamentos;
    • transportar o sal empacotado para estocagem e embarque;
    • inspecionar o sal;
    • conferir a quantidade do sal para embarque e estocagem;
    • manter a linha de produção fechada;
    • encaminhar o sal para o estoque, de acordo com o tipo;
    • demonstrar capacidade de concentração;
    • aquecer o sal para retirada de umidade;
    • efetuar nova moagem do rejeito da primeira peneirada;
    • dominar conhecimentos básicos na área específica;
    • adicionar aditivos (anti-umectante, iodo etc.);
    • centrifugar a polpa para purificação do sal;
    • classificar o sal;
    • apresentar saúde física;
    • demonstrar segurança em si mesmo;
    • armazenar o sal grosso;
    • operar máquina empacotadeira;
    • retirar as partes ferrosas (impurezas) do sal, com o íma;
    • operar a peneira vibratória para separação do sal;
    • dominar noções de higiene;
    • operar secador;
    • embalar o sal;
    • controlar a adição de aditivos;
    • operar o exaustor para a retirada do pó;
    • coletar amostras do sal para análise no laboratório, durante todo o processo de produção;
    • efetuar a moagem do sal, via seca e via úmida;
    • demonstrar paciência;
    • controlar as válvulas do ventilador (ar quente e frio);
    • demonstrar interesse no uso de epi;
    • trocar as telas das peneiras, de acordo com a granulometria desejada;
    • regular a vazão do sal;
    • controlar a temperatura do secador;


    Setores que mais contratam Forneiro na refrigeração de sal no mercado de trabalho

    • Refino e outros tratamentos do sal
    • Extração de sal marinho
    • Fabricação de outros produtos alimentícios não especificados anteriormente
    • Comércio varejista de medicamentos veterinários
    • Fabricação de alimentos para animais
    • Comércio atacadista de produtos da extração mineral, exceto combustíveis
    • Fabricação de artefatos de cimento para uso na construção
    • Comércio varejista de outros produtos não especificados anteriormente
    • Produção de carvão vegetal - florestas plantadas
    • Comércio atacadista de fios e fibras têxteis beneficiados




    Fonte: Pesquisa Portal Salario.com.br

    Profissões em Destaque: