Salário para o cargo de Desenhista técnico (mobiliário)
CBO 3184-25 > Desenhistas técnicos de produtos e serviços diversos

Desenhista técnico (mobiliário) - Descrição, atividades, funções e salário do cargo

Interpretam solicitações de desenhos, elaboram desenhos de produtos ou serviços, submetem desenhos à aprovação. Dão acabamento final em desenhos, indicam características de materiais e acabamentos em desenhos, organizam e solicitam adequação ergonômica do posto de trabalho.

Quanto ganha um Desenhista técnico (mobiliário)

Um Desenhista técnico (mobiliário) trabalhando no Brasil, ganha entre R$ 1.256,21 e R$ 4.077,49, com a média salarial de R$ 1.963,40 e o salário mediana em R$ 1.704,73 de acordo com pesquisa salarial junto ao Novo CAGED, Empregador Web e eSocial.


Faixas salariais do cargo de Desenhista técnico (mobiliário)

Salário Mensal Salário Anual Salário Por Semana Salário Por Hora
Média Salarial 1.963,40 23.560,84 490,85 9,07
1º Quartil 1.256,21 15.074,51 314,05 5,80
Salário Mediana 1.704,73 20.456,70 426,18 7,87
3º Quartil 3.109,67 37.316,00 777,42 14,36
Teto Salarial 4.077,49 48.929,86 1.019,37 18,83


Categorias profissionais do cargo

  • Técnicos de nível médio
    • Técnicos de nível médio das ciências físicas, químicas, engenharia
      • Desenhistas técnicos e modelistas
        • Desenhistas técnicos de produtos e serviços diversos

Cargos relacionados:



Salários nas cidades que mais contratam

Cidade Faixa Salarial Média Salarial 1º Quartil Salário Mediana 3º Quartil Maior Salário
São Paulo - SP 1.489 - 3.154 1.897,72 1.488,53 1.638,00 2.604,26 3.154,35
Curitiba - PR 1.471 - 2.905 1.837,12 1.471,10 1.800,00 2.398,15 2.904,71
Barão - RS 1.760 - 3.984 2.276,21 1.760,00 2.090,00 3.289,00 3.983,74
Rio de Janeiro - RJ 2.131 - 3.098 2.377,87 2.131,29 2.500,00 2.558,00 3.098,33
Santo Cristo - RS 1.137 - 3.755 1.951,72 1.136,50 1.609,47 3.100,00 3.754,81
Santos - SP 1.392 - 2.318 1.674,80 1.391,90 1.805,38 1.913,84 2.318,10
Aracaju - SE 1.238 - 2.092 1.352,49 1.238,44 1.238,44 1.726,89 2.091,65
Bento Goncalves - RS 1.692 - 3.053 2.247,08 1.692,00 2.379,95 2.520,88 3.053,36
Balneário Camboriú - SC 1.525 - 1.847 1.525,00 1.525,00 1.525,00 1.525,00 1.847,13
Americana - SP 1.400 - 2.180 1.613,00 1.400,00 1.600,00 1.800,00 2.180,21
Jundiaí - SP 1.600 - 10.641 3.684,12 1.600,00 2.500,00 8.785,44 10.641,19
São Bento do Sul - SC 1.500 - 3.270 2.023,20 1.500,00 2.000,00 2.700,00 3.270,32
Ribeirão Preto - SP 1.322 - 2.500 1.692,21 1.322,00 1.623,70 2.064,09 2.500,09
Arapongas - PR 1.487 - 4.482 2.374,77 1.487,00 2.500,00 3.700,00 4.481,55
Osasco - SP 1.293 - 2.422 1.528,33 1.292,50 1.292,50 2.000,00 2.422,46
Ipigua - SP 2.346 - 3.149 2.401,98 2.345,77 2.345,77 2.600,00 3.149,20
João Pessoa - PB 1.300 - 1.575 1.300,00 1.300,00 1.300,00 1.300,00 1.574,60
Guarulhos - SP 1.256 - 7.522 2.645,39 1.256,00 1.676,34 6.210,00 7.521,74
São José dos Campos - SP 1.300 - 5.693 2.069,60 1.300,00 1.500,00 4.700,00 5.692,78


Remuneração nos estados

Estado Faixa Salarial Média Salarial 1º Quartil Salário Mediana 3º Quartil Maior Salário
São Paulo 1.381 - 4.085 2.064,44 1.380,60 1.703,45 3.372,19 4.084,50
Rio Grande do Sul 1.312 - 4.118 2.161,77 1.311,87 1.900,00 3.399,93 4.118,10
Santa Catarina 1.301 - 2.801 1.720,81 1.301,41 1.544,53 2.312,87 2.801,41
Paraná 1.478 - 4.190 2.129,13 1.478,26 1.800,00 3.458,96 4.189,60
Minas Gerais 1.107 - 4.101 1.889,81 1.106,69 1.717,20 3.385,86 4.101,06
Rio de Janeiro 1.533 - 3.098 2.182,02 1.532,82 2.298,59 2.558,00 3.098,33
Espírito Santo 1.081 - 3.643 1.504,84 1.080,80 1.143,93 3.007,60 3.642,90
Sergipe 1.238 - 2.092 1.352,49 1.238,44 1.238,44 1.726,89 2.091,65
Mato Grosso do Sul 1.185 - 2.544 1.505,83 1.185,00 1.350,00 2.100,00 2.543,58
Paraíba 1.300 - 2.786 1.466,67 1.300,00 1.300,00 2.300,00 2.785,83


Principais locais de trabalho

Desenhistas técnicos de produtos e serviços diversos esses profissionais atuam em vários ramos de atividade, tais como: artes gráficas, indústria têxtil, fabricação de produtos de madeira, empresas de correio e telecomunicações e outras. São empregados formais, com carteira assinada, que se organizam de forma individual ou em equipe, sob supervisão ocasional. Trabalham em ambientes fechados, nos horários diurnos, noturnos ou por rodízio. Algumas, das atividades exercidas podem estar sujeitas à pressão, ruídos, radiação ou material tóxico.


O que é preciso para trabalhar na área dos Desenhistas técnicos de produtos e serviços diversos

Para ingressar nessas ocupações, é necessário que o profissional tenha concluído o ensino médio, além de um curso profissionalizante básico de desenho de até duzentas horas-aula. O exercício das atividades só é alcançado, no mínimo, com um ano de experiência, posterior à qualificação. Os cargos listados nesta família ocupacional, demandam formação profissional para efeitos do cálculo do número de aprendizes a serem contratados pelos estabelecimentos.


Funções e atividades do Desenhista técnico (mobiliário)

Desenhistas técnicos de produtos e serviços diversos devem:

  • dar acabamento final aos desenhos;
  • submeter desenhos À aprovação;
  • organizar posto de trabalho de desenho;
  • elaborar desenhos de produtos ou serviços;
  • demonstrar competências pessoais;
  • interpretar solicitações de desenhos;

  • Atividades

    • arquivar desenhos;
    • consultar revistas e catálogos de atualização de materiais, equipamentos e ferramentas;
    • registrar desenhos aprovados;
    • confeccionar matriz dos desenhos;
    • manter auto-organização;
    • inspecionar equipamentos de trabalho;
    • especificar características do desenho;
    • conferir especificações dos desenhos;
    • agir de forma ética;
    • obter aprovação final de desenhos;
    • desenvolver esboços manuais;
    • preencher legenda do desenho;
    • requisitar materiais equipamentos e ferramentas;
    • codificar desenhos;
    • imprimir desenhos;
    • demonstrar sociabilidade;
    • dar provas de criatividade;
    • comunicar-se;
    • relacionar especificações técnicas dos desenhos;
    • cumprir prazos estabelecidos;
    • tirar cópias de segurança do desenho (back-up);
    • solicitar adequação ergonômica do posto de trabalho (mobiliário, ferramentas, instrumentos, epi);
    • consultar as normas técnicas de desenho;
    • requisitar manutenção dos equipamentos e ferramentas de trabalho;
    • realizar desenhos;
    • desenvolver esboços com recursos digitais;
    • atender às normas técnicas de representações gráficas;
    • definir os meios de representação gráfica;
    • realizar correções indicadas pelo solicitante;
    • cotar desenhos;
    • reunir informações pertinentes ao desenho;
    • definir escalas;
    • manter ordenado o posto de trabalho;
    • requisitar aprovação;
    • relacionar informações obtidas;
    • indicar as características de materiais e acabamento;
    • verificar condições do posto de trabalho de desenho;
    • manter-se atualizado;
    • dar provas de atenção e concentração;
    • estabelecer formato para apresentação dos desenhos;
    • solicitar adequação ergonômica do ambiente de trabalho (iluminação, temperatura, ruídos);
    • dar provas de dinamismo;
    • manter bom relacionamento interpessoal;
    • definir etapas de elaboração dos desenhos;


    Setores que mais contratam Desenhista técnico (mobiliário) no mercado de trabalho

    • Fabricação de móveis com predominância de madeira
    • Comércio varejista de móveis
    • Serviços de montagem de móveis de qualquer material
    • Fabricação de móveis com predominância de metal
    • Representantes comerciais e agentes do comércio de eletrodomésticos, móveis e artigos de uso doméstico
    • Comércio varejista de outros artigos de uso doméstico não especificados anteriormente
    • Comércio varejista de madeira e artefatos
    • Serviços de arquitetura
    • Decoração de interiores
    • Instalações de sistema de prevenção contra incêndio




    Fonte: Pesquisa Portal Salario.com.br

    Profissões em Destaque: